Foram encontrados 40 resultados para "Empregos":

De acordo com o secretário Alberes Lopes, Pernambuco também terminou 2019 com um recorde na geração de novos negócios, cerca de R$ 15 bilhões com segmentos do setor produtivo e incentivos do Prodepe
De acordo com o secretário Alberes Lopes, Pernambuco também terminou 2019 com um recorde na geração de novos negócios, cerca de R$ 15 bilhões com segmentos do setor produtivo e incentivos do ProdepeFoto: Divulgação

Os dados do Caged divulgados, nesta sexta-feira (24), trazem uma boa notícia para Pernambuco. No acumulado de 2019 – de janeiro a dezembro - o mercado de trabalho estadual registrou um saldo positivo de 9.696 postos formais (0,78%), o melhor resultado dos últimos seis anos. O número de pessoas com carteira assinada teve influência positiva do setor de serviços, que criou 7.501 postos (1,33%), da agropecuária (3.403 postos ou 6,16%) e do comércio (2.654 postos ou 0,91%).

“Os números também refletem a determinação do governador Paulo Câmara e se soma às projeções de crescimento do PIB estadual, que deve alcançar cerca de 2%, o dobro da média nacional (em torno de 1,1%). Os dados retratam um trabalho em conjunto de todos os setores do Governo do Estado, que também têm investido forte nas parcerias com a iniciativa privada”, declarou o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes.

De acordo com Alberes, Pernambuco também terminou 2019 com um recorde na geração de novos negócios, cerca de R$ 15 bilhões com segmentos do setor produtivo e incentivos do Prodepe. “Além disso, o número de empresas abertas em Pernambuco em 2019 foi de 96.244, contra 79.983 em 2018, segundo a Junta Comercia de Pernambuco. Então, todas as áreas estão caminhando e trabalhando de forma integrada para cumprir as determinações do governador e conquistar um resultado melhor para nossos trabalhadores. Em 2019, por exemplo, fizemos cerca de 16,3 mil capacitações e treinamentos em 101 municípios do Estado e o Crédito Popular já injetou cerca de R$ 5 milhões na economia do Estado”, acrescentou.

No tocante aos municípios de Pernambuco, em termos absolutos, os que tiveram maior número de trabalhadores com carteira assinada em 2019 foram: Recife (4.120), Petrolina (2.051), Vicência (1.003), Aliança (756), Escada (609), Serra Talhada (594), Caruaru (444), Goiana (317), São José do Egito (301) e Bonito (282).

Já no Brasil, no acumulado do ano, o mercado de trabalho registrou um saldo positivo de 644.097 postos formais (1,68%), o melhor em número absolutos depois de 2013, o que sinaliza uma tendência de recuperação gradual do mercado de trabalho brasileiro.

Agência do Trabalho na Rua da Aurora
Agência do Trabalho na Rua da AuroraFoto: Arthur Mota / Folha de Pernambuco

Confira o quadro de vagas de empregos nas Agências Estaduais do Trabalho referente a esta segunda-feira (6). As oportunidades foram divulgadas pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq). Há 177 oportunidades, das quais 30 são exclusivas para pessoas com deficiência.

O quadro apresenta as oportunidades em duas partes: em vermelho, as vagas para Pessoa Com Deficiência (PCD) e em preto aos demais.

Confira os endereços e telefones das Agências do Trabalho no site da Seteq. Os interessados nas vagas ofertadas devem comparecer a uma das unidades ou acessar o site www.empregabrasil.mte.gov.br.

Leia também:
‘Vagas de emprego’ foi tema mais buscado pelos pernambucanos em 2019

Confira as oportunidades:  

Agência do Trabalho na Rua da Aurora
Agência do Trabalho na Rua da AuroraFoto: Arthur Mota / Folha de Pernambuco

Confira o quadro de vagas de empregos nas Agências Estaduais do Trabalho referente a esta sexta-feira (3). As oportunidades foram divulgadas pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq). Há 156 oportunidades, das quais 22 são exclusivas para pessoas com deficiência.

O quadro apresenta as oportunidades em duas partes: em vermelho, as vagas para Pessoa Com Deficiência (PCD) e em preto aos demais.

Confira os endereços e telefones das Agências do Trabalho no site da Seteq. Os interessados nas vagas ofertadas devem comparecer a uma das unidades ou acessar o site www.empregabrasil.mte.gov.br.

Leia também:
‘Vagas de emprego’ foi tema mais buscado pelos pernambucanos em 2019

Confira as oportunidades: 

Carteira de trabalho
Carteira de trabalhoFoto: Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

Confira o quadro de vagas de empregos nas Agências Estaduais do Trabalho referente a esta quinta-feira (2). As oportunidades foram divulgadas pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq). Há 123 oportunidades, das quais 20 são exclusivas para pessoas com deficiência.

O quadro apresenta as oportunidades em duas partes: em vermelho, as vagas para Pessoa Com Deficiência (PCD) e em preto aos demais.

Confira os endereços e telefones das Agências do Trabalho no site da Seteq.

Leia também:
‘Vagas de emprego’ foi tema mais buscado pelos pernambucanos em 2019

Confira as oportunidades: 

Carteira de trabalho
Carteira de trabalhoFoto: Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

Confira o quadro de vagas de empregos nas Agências Estaduais do Trabalho referente a esta segunda-feira (30). As oportunidades foram divulgadas pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq). Há 173 oportunidades, das quais 20 são exclusivas para pessoas com deficiência.

O quadro apresenta as oportunidades em duas partes: em vermelho, as vagas para Pessoa Com Deficiência (PCD) e em preto aos demais.

Confira os endereços e telefones das Agências do Trabalho no site da Seteq.

Leia também:
‘Vagas de emprego’ foi tema mais buscado pelos pernambucanos em 2019

Confira as oportunidades: 

Carteira de Trabalho
Carteira de TrabalhoFoto: Agência Brasil

Confira o quadro de vagas de empregos nas Agências Estaduais do Trabalho referente a esta quinta-feira (26). As oportunidades foram divulgadas pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq). Há 251 oportunidades, das quais 27 são exclusivas para pessoas com deficiência.

O quadro apresenta as oportunidades em duas partes: em vermelho, as vagas para Pessoa Com Deficiência (PCD) e em preto aos demais.

Confira os endereços e telefones das Agências do Trabalho no site da Seteq.

Leia também:
‘Vagas de emprego’ foi tema mais buscado pelos pernambucanos em 2019

Confira as oportunidades: 

Carteira de trabalho
Carteira de trabalhoFoto: Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

Confira o quadro de vagas de empregos nas Agências Estaduais do Trabalho referente a esta segunda-feira (23). As oportunidades foram divulgadas pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq). Há 133 oportunidades, das quais 21 são exclusivas para pessoas com deficiência e duas, temporárias.

O quadro apresenta as oportunidades em duas partes: em vermelho, as vagas para Pessoa Com Deficiência (PCD) e em preto aos demais.

Confira os endereços e telefones das Agências do Trabalho no site da Seteq.

Leia também:
‘Vagas de emprego’ foi tema mais buscado pelos pernambucanos em 2019

Confira as oportunidades: 

Instalação de novo frigorífico, no município de Canhotinho, vai desenvolver a pecuária de corte na região
Instalação de novo frigorífico, no município de Canhotinho, vai desenvolver a pecuária de corte na regiãoFoto: Heudis Régis/ SEI

O governador Paulo Câmara recebeu o presidente da Masterboi, Nelson Bezerra, no Palácio do Campo das Princesas, para anunciar mais um investimento para o Estado: a instalação de um frigorífico industrial no município de Canhotinho, no Agreste Meridional. A empresa utilizará uma área de 110 hectares, com investimento de R$ 112 milhões e a perspectiva de geração de cerca de 800 empregos diretos. As obras estão previstas para começar no primeiro semestre de 2020, e as atividades, em meados de 2022.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, pontuou que o investimento é importante para a economia do Estado e para o desenvolvimento do Agreste Meridional. “É um frigorífico que vai desenvolver toda a questão da pecuária de corte. Uma indústria como essa vai estabelecer toda uma cadeia, ali no Agreste Meridional, atingindo também a Mata Sul. É um olhar para uma área que precisava ter um desenvolvimento dentro da sua vocação”, explicou o secretário.

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Carlos Porto, elogiou a iniciativa do governador e de sua equipe em levar mais esse investimento ao interior do Estado. “É fundamental, e quero deixar registrado o empenho pessoal que teve o governador Paulo Câmara e sua equipe para que essa indústria fosse instalada no Agreste Meridional, que é uma região eminentemente dedicada à pecuária”, afirmou Carlos Porto.

Para o conselheiro, o Agreste Meridional viverá um novo momento após a instalação da Masterboi. “Será um novo espaço, um novo período e uma fase de muito desenvolvimento. Além dos empregos gerados, teremos também a economia, o recolhimento dos impostos, o movimento do comércio. Vai se criar uma nova cultura no sentido da criação do gado, aumentar os rebanhos e, consequentemente, gerar empregos e riqueza para o Estado”, finalizou.

O presidente da Masterboi, Nelson Bezerra, acredita que será mais um grande passo da empresa no Estado de Pernambuco. “Agradecemos bastante o apoio do governador Paulo Câmara e de todos que se empenharam para esse feito. Na instalação, teremos a capacidade de abater cerca de 500 cabeças de gado e também de caprinos por dia. Essa vai ser mais uma conquista para o grupo Masterboi, com a tendência de atender a todo o mercado do Norte e Nordeste e até a exportação”, comemorou o empresário.

Estiveram presentes ainda os secretários Décio Padilha (Fazenda) e José Neto (Casa Civil), além de Miguel Zaidan, diretor administrativo da Masterboi, Roberto Abreu e Lima, presidente da Ad Diper, e o deputado estadual Antônio Moraes.

SOBRE A MASTERBOI - A empresa é pernambucana, com matriz no Recife, e há 19 anos atua no mercado nacional de processamento e distribuição de alimentos. A Masterboi produz cortes especiais e, além dos produtos de marca própria, também atua com distribuição, exportação e importação. Seu mix de produtos é composto por mais de 700 itens, entre carnes bovinas, espetinhos, carne de sol, charqueados, aves, suínos, embutidos, laticínios, ovinos, pescados, crustáceos e vegetais.

A empresa possui atualmente cinco unidades em Pernambuco, sendo um centro de distribuição e processamento e quatro lojas de atacarejo. Além disso, opera um centro de distribuição na Paraíba e duas plantas frigoríficas industriais em Tocantins e no Pará, com capacidade de abate de 1,7 mil bois por dia. Todas as unidades frigoríficas tem certificação do SIF (Serviço de Inspeção Federal) e são habilitadas a exportar para mais de 45 países. Ao todo, possui 2,7 mil funcionários distribuídos nas suas unidades do distribuídos nas suas unidades do Recife, São Geraldo do Araguaia (PA) e Nova Olinda (TO). A empresa deve fechar o ano com cerca de R$ 1,5 bilhão em receitas. 

Carteira de Trabalho
Carteira de TrabalhoFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

Pernambuco gerou 3.194 postos de trabalho formais neste mês de novembro, segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Caged. Desde o início da série histórica do Caged, criada em 2004, este é melhor resultado dos últimos seis anos. “Os dados recentes foram influenciados principalmente pelo desempenho do comércio (4.470 postos ou 1,54%). Tivemos o melhor mês de novembro desde 2013 depois de toda crise econômica. Em relação ao mesmo período de 2018, geramos 1.381 empregos a mais. Estamos consolidando uma tendência de recuperação do mercado de trabalho local”, disse o secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes.

No acumulado dos onze primeiros meses do ano no Estado, ainda de acordo com o Caged, há um saldo positivo de 15.131 postos de trabalho em Pernambuco, uma variação positiva de 1,21%. Os números receberam a influência positiva principalmente do setor de serviços (9.235 postos ou 1,63%) e da agropecuária (5.559 postos ou 10,06%). Em contrapartida, houve perda na Indústria de Transformação (-2.399 postos ou -1,17%).

Em termos de quantidade, os municípios que mais geraram postos de empregos formais no Estado no mês passado foram: Recife (1.949); Caruaru (595), Jaboatão (365), Vitória de Santo Antão (309), Igarassu (255), Cabo de Santo Agostinho (251), Escada (234), Garanhuns (197). Quando os números são analisados por outro ponto de vista, de forma proporcional, o município de Bonito gerou 86 empregos, com uma variação positiva de 5,33 enquanto São José do Belmonte criou 88 (5,30).

De acordo com os dados do Caged, quatro regiões brasileiras tiveram saldo positivo em novembro: Sudeste (+51.060), Sul (+28.995), Nordeste (+19.824 postos), e Norte (+4.491). O Centro-Oeste teve fechamento de postos (-5.138 postos). Os estados do Nordeste que mais ofertaram vagas, em termos quantitativos, foram Bahia, Ceará e Pernambuco.

Vem Meu Emprego
Vem Meu EmpregoFoto: Andréa Rêgo Barros

Lançado nesta quinta-feira (19) pelo prefeito Geraldo Julio, o VEM Meu Emprego reforça o time de ações que fazem parte do Programa Chegando Junto. Desta vez, a Prefeitura do Recife disponibilizará passagens de ônibus para facilitar o deslocamento dos recifenses desempregados, que estão à procura de uma oportunidade no mercado de trabalho. O anúncio do projeto foi feito no Compaz Governador Eduardo Campos, no Alto Santa Terezinha. Além das passagens, os trabalhadores terão acesso a 10 currículos com envelope, que serão elaborados com apoio das equipes das Agências de Emprego do Recife.

O lançamento contou com as presenças do secretário de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo, Antônio Júnior; do coordenador do Programa Chegando Junto, Leo Bacelar; do presidente da União Geral dos Trabalhadores de Pernambuco, Gustavo Valfrido; e do vereador e presidente da Força Sindical, Rinaldo Júnior.


O prefeito Geraldo Julio comemorou mais uma ação do Chegando Junto. “O VEM Meu Emprego beneficia as pessoas que não têm carteira assinada, estão desempregadas, não têm o vale transporte e muitas vezes chegam na Agência do Trabalho para intermediação do emprego e não têm sequer a passagem para entrevista. Agora ele não só vai receber o cartão com as 20 passagens, garantindo aí pelo menos 10 entrevistas, mas também o currículo, feitos pela própria agência, garantindo que ele tenha condições de participar das entrevistas. É a ajuda para quem está atrás de emprego, que é grande parte da população brasileira. A Prefeitura mais uma vez mostra sensibilidade no Programa Chegando Junto para dar uma força para quem está realmente precisando”, afirmou o prefeito.
A meta da Prefeitura do Recife é beneficiar mil pessoas por mês e o VEM Meu Emprego será coordenado pela Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo (STQE). As 20 passagens do anel A incluídas no cartão equivalem ao valor de R$ 69. Vale destacar que a utilização do cartão é pessoal e intransferível, devendo ter o objetivo exclusivo de procura emprego. A idade mínima para ser beneficiado é 18 anos e o candidato precisa comprovar que teve no mínimo seis meses de carteira assinada antes da demissão, comprovar que recebia menos de dois salários mínimos e ter sido desligada do último emprego a pelo menos 30 dias. Para participar do projeto, o interessado precisa se dirigir a uma das duas Agências de Emprego da Prefeitura do Recife, no Bairro do Recife ou Casa Amarela.

Antônio Júnior, secretário de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo, explicou o funcionamento do projeto. “Para acessar o benefício é preciso ter mais de 18 anos, provar que mora no Recife e através de carteira profissional ou termo de rescisão contratual, que perdeu o emprego a menos de 30 dias e que ganhava até dois salários mínimos. Nas agências do trabalho, eles serão orientados e estarão aptos a procurar emprego”, disse o secretário. Além do cartão, cada participante receberá uma pasta com dez envelopes para o cidadão colocar seu currículo, que será elaborado e impresso gratuitamente nas Agências de Emprego da PCR.

Os cartões com as passagens começam a ser disponibilizados a partir da próxima segunda-feira (23), a partir das 14h. Cada inscrito será contemplado uma única vez com um cartão contendo 20 passagens. Na própria agência, o cidadão ou cidadã dará entrada no Seguro Desemprego, mediante a apresentação da rescisão, devendo apresentar também comprovante de residência no Recife e documentos pessoais (RG e CPF). As duas agências funcionam das 7h30 às 17h.
Gustavo Valfrido presidente da União Geral dos Trabalhadores de Pernambuco, também falou sobre a ação. “O que vemos hoje é muito trabalhador desempregado, sem ter condições de sair de casa para procurar emprego. E essa oportunidade que a Prefeitura está apresentando, dando as condições para que a pessoa possa ter um currículo bem organizado e já ser encaminhado da própria agência do trabalho e com passagem, acho fundamental. Esta é uma ação acertada do prefeito Geraldo Julio”, avaliou.
Elisoneide de Freitas, é uma dos quase 13 milhões de desempregados no Brasil, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e contou sobre o impacto que o projeto vai ter na vida de pessoas que estão na mesma situação que ela. “Eu achei ótimo. Um exemplo é meu esposo. Moramos em Água Fria e tem dias que ele sai cedinho, e vai andando para a Imbiribeira, Boa Viagem, em busca de emprego e até agora nada. Essa oportunidade de dar a passagem, já vai ajudar, porque muitas vezes é o dinheiro de comprar um pão para casa”, contou Elisoneide.

CHEGANDO JUNTO - O Chegando Junto é o programa municipal de assistência e geração de renda, implantado pelo prefeito Geraldo Julio, com o objetivo de reduzir a pobreza e a desigualdade social, que vêm crescendo no Brasil. A iniciativa promove diversas ações divididas entre as áreas de assistência à população e apoio à geração de renda.

Além do Renda Por APP, já estão em andamento ações como os minicursos profissionalizantes, que já formaram mais de 830 pessoas em diversas comunidades; os mutirões de saúde; os Espaços de Convivência Pertencer (que proporcionam locais para as mulheres deixarem seus filhos enquanto trabalham); as Frentes de Trabalho Miguel Arraes, que ofertam postos de trabalho nas escolas e unidades de saúde municipais; e o projeto Gera Cidadania, oferecendo oficinas pedagógicas e artísticas para crianças, adolescentes e jovens no contraturno escolar.

O Chegando Junto também vai construir três restaurantes populares, um abrigo noturno, e dará auxílio e assistência técnica aos moradores para reformar e construir suas casas, entre outras iniciativas.

comece o dia bem informado: