BNDES publica edital para privatizar loteria das "raspadinhas"

Serão contratados dois serviços

Paulo Câmara (PSB) discursa em Bonança, distrito de MorenoPaulo Câmara (PSB) discursa em Bonança, distrito de Moreno - Foto: Andréa Rêgo Barros/Divulgação

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) publicou nesta sexta-feira (25) edital para escolher as empresas que farão os estudos necessários à privatização da Loteria Instantânea Exclusiva (Lotex). As loterias instantâneas são as chamadas “raspadinhas”, que são controladas pela Caixa Instantânea S.A., subsidiária do banco federal Caixa.

Serão contratados dois serviços. O primeiro prevê a realização de uma análise do marco regulatório do setor, a elaboração de um plano de negócios e a avaliação econômico-financeira da Caixa Instantânea e da Lotex. Além disso, a empresa vencedora terá que fazer uma modelagem da privatização, o mapeamento de potenciais investidores e a realização de roadshows. O valor do contrato está estimado em R$ 6,8 milhões.

Já o segundo serviço prevê uma nova avaliação da Caixa Instantânea e da Lotex, com valor de contrato estimado de R$ 1,5 milhão. De acordo com o BNDES, no ano mais rentável das raspadinhas, em 2014, a Caixa arrecadou R$ 191,5 milhões. O edital pode ser acessado no site do BNDES.

Veja também

Sebrae promove oficina sobre negócios relacionados a games
Negócios

Sebrae promove oficina sobre negócios relacionados a games

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado de R$ 38 milhões
Loterias

Mega sorteia hoje prêmio acumulado de R$ 38 milhões