Economia

Bolsa fecha acima dos 120 mil pontos pela primeira vez desde fevereiro

Alta acontece mesmo diante das contínuas incertezas acerca do cenário político e fiscal do País

Bolsa de valores de São PauloBolsa de valores de São Paulo - Foto: Miguel SCHINCARIOL / AFP

A Bolsa de Valores brasileira encerrou acima dos 120 mil pontos pela primeira vez desde fevereiro. O Ibovespa, principal índice acionário do País encerrou com alta de 0,84%, aos 120.294 pontos, impulsionado principalmente pelas ações das blue chips (empresas listadas mais robustas e com maior peso na Bolsa de Valores).

Os papeis da Vale, por exemplo, subiram 3,30% nesta quarta-feira (14), com o setor de mineração e siderurgia sendo beneficiado pelas perspectivas de reabertura no pós-Covid.

As ações da Petrobras, por sua vez, tiveram ganhos de 1,79% (preferenciais) e 1,89% (ordinárias), impulsionadas pelo preço do petróleo no exterior. 

Além disso, a petroleira também divulgou que uma decisão liminar sobre a migração da gestão operacional do plano de saúde da companhia, que poderia impedir deliberação sobre dividendos em assembleia, foi reconsiderada.

No setor financeiro do Ibovespa, os papeis do Bradesco subiram 1,02% (ordinárias) e 1,41% (preferenciais), enquanto o Itaú registrou alta de 1,35% e o Santander teve ganhos de 2,24%. As ações do Banco do Brasil avançaram apenas 0,10%, depois da renúncia de dois vice-presidentes.

A alta da Bolsa brasileira veio mesmo diante das contínuas incertezas acerca do cenário político e fiscal do País. Segundo a economista da Toro Investimentos, Thayná Vieira, os investidores seguem colocando no radar os impasses em torno do Orçamento, os desdobramentos em torno da CPI da Covid-19 e o início do julgamento em torno da decisão do ministro Edson Fachin sobre a anulação das condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

"O mercado ainda acompanhou, no exterior, falas do presidente do Fed [Federal Reserve, banco central americano] e o Livro Bege, que demonstrou um panorama futuro otimista para a economia daquele país", afirmou ela.

"Apesar da cautela em torno do cenário político nacional, o Ibovespa fechou em alta em dia de vencimento de opções de contratos futuros. O início da temporada de balanços corporativos no exterior e o bom momento vivenciado pelo setor de commodities contribuíram para esse movimento", completou.

No exterior, Dow Jones subiu 0,16%, enquanto o S&P e Nasdaq caíram 0,41% e 0,99%, respectivamente. O dólar, por sua vez, terminou a sessão desta quarta (14) em queda de 0,83%, a R$ 5,6690, também influenciado pela expectativa em torno da temporada de balanços corporativos e pelas sinalizações do Banco Central Europeu e do Fed sobre a continuidade dos estímulos monetários.

Veja também

Novo aplicativo agenda atendimentos presenciais na Receita
Economia

Novo aplicativo agenda atendimentos presenciais na Receita

Bolsa sobe e encosta nos 123 mil pontos
Mercado Financeiro

Bolsa sobe e encosta nos 123 mil pontos