Indústria

Confiança do empresário industrial é a maior desde 2014, diz CNI

Todos os segmentos industriais - extrativa, transformação e construção - tiveram aumentos

Filme "O Homem que Viu o Infinito"Filme "O Homem que Viu o Infinito" - Foto: Divulgação

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) anunciou nesta terça-feira (20) que a confiança do empresário industrial é a maior desde janeiro de 2014. O Icei (Índice de Confiança do Empresário Industrial) atingiu 53,7 pontos em setembro, um aumento de 2,2 pontos na comparação com agosto. As informações são da Agência Brasil.

O índice subiu pelo quinto mês consecutivo e acumula crescimento de 16,9 pontos no período. Na comparação com o mesmo mês de 2015, o aumento foi de 18 pontos. Os indicadores variam no intervalo de 0 a 100. Valores acima de 50 indicam situação melhor ou expectativa otimista.

Números em alta

Em setembro, todos os segmentos industriais (extrativa, transformação e construção) registraram índices de confiança superiores a 50 pontos, o que não acontecia desde março de 2014. Na indústria da construção, os setores Construção de edifícios e Obras de infraestrutura acusaram também índices superiores a 50 pontos.

Na extrativa, os dois setores considerados (Extração de minerais metálicos e Extração de minerais não metálicos) também anotaram confiança dos empresários, além do segmento de transformação que, de um total de 27 pontos, teve 21 com índices de 50 pontos ou mais, destacou a CNI.

A pesquisa foi realizada com 3.155 empresas -1.247 de pequeno porte, 1.179 de médio porte e 729 de grande porte- entre os dias 1º e 14 de setembro de 2016.

Veja também

PlanejaPE discute o futuro do turismo no Estado
Turismo

PlanejaPE discute o futuro do turismo no Estado

Ministério da Agricultura: fábrica da Backer continua interditada
Brasil

Ministério da Agricultura: fábrica da Backer continua interditada