Conta de luz terá bandeira tarifária verde em fevereiro por previsão de mais chuvas

Em janeiro, vigora a bandeira amarela, com acréscimo de R$ 1,343 para cada 100 quilowatts/hora (kWh) consumidos

Energia elétricaEnergia elétrica - Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil

As contas de luz dos brasileiros terão em fevereiro a chamada bandeira tarifária verde, que não gera cobranças adicionais para os consumidores, informou a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) nesta sexta-feira (31).

Em janeiro, vigora a bandeira amarela, com acréscimo de R$ 1,343 para cada 100 quilowatts/hora (kWh) consumidos.

O mecanismo tarifário leva a custos extras para os consumidores quando sai do patamar verde para o amarelo ou vermelho, o que acontece de acordo com o nível de oferta de energia no sistema elétrico.

Leia também:
Usina usará bagaço da cana para produção de energia
Redução do preço da energia solar tem sido vertiginosa, diz EPE


A definição de bandeira verde para o próximo mês acontece em meio à "previsão mais positiva de chuvas nas regiões onde se localizam os principais reservatórios de hidrelétricas", afirmou a Aneel em nota.

Veja também

Fretamento aéreo vive seu pior momento em Manaus
Amazonas

Fretamento aéreo vive seu pior momento em Manaus

Governo estuda desoneração linear para gerar emprego
Economia

Governo estuda desoneração linear para gerar emprego