Contas externas iniciam ano com saldo negativo de US$ 4,31 bilhões

Maior parte do resultado negativo veio da conta renda primária, ou seja, lucros e dividendos, pagamentos de juros e salários

DólarDólar - Foto: MarinaMahmood/ Arquivo Folha de Pernamb

O Brasil registrou déficit em transações correntes, que são compras e vendas de mercadorias e serviços e transferências de renda do país com o mundo, em janeiro. O resultado negativo ficou em US$ 4,310 bilhões. No mesmo mês de 2016, houve déficit de US$ 5,085 bilhões. Os dados são do Banco Central.

A maior parte do resultado negativo veio da conta renda primária (lucros e dividendos, pagamentos de juros e salários), com déficit de US$ 4,119 bilhões. A conta de serviços (viagens, transporte, aluguel de investimentos, entre outros) ficou negativa em US$ 2,763 bilhões.

Leia também:
Contas externas fecham 2017 com saldo negativo de US$ 9,8 bilhões
Dívida pública pode alcançar até R$ 3,98 trilhões em 2018


O balanço das transações é formado também pela conta de renda secundária (renda gerada em uma economia e distribuída para outra, como doações e remessas de dólares, sem contrapartida de serviços ou bens) que ficou positiva em US$ 174 milhões, no mês.

A balança comercial (exportações e importações de mercadorias) contribuiu para reduzir o défcit em transações correntes, ao registrar superávit de US$ 2,398 bilhões, no primeiro mês do ano.

Quando o país registra saldo negativo em transações correntes, precisa cobrir o déficit com investimentos ou empréstimos no exterior. A melhor forma de financiamento do saldo negativo é o investimento direto no país (IDP), porque recursos são aplicados no setor produtivo do país. Em janeiro, esses investimentos chegaram a US$ 6,466 bilhões.

Veja também

Fala de fundadora do Nubank sobre negros mostra incompreensão, dizem especialistas
economia

Fala de fundadora do Nubank sobre negros mostra incompreensão, dizem especialistas

STF inicia julgamento sobre ICMS de gás importado da Bolívia
economia

STF inicia julgamento sobre ICMS de gás importado da Bolívia