A-A+

Usina

Cucaú comemora 130 anos de atividade

Aniversário da empresa, comandada pelo presidente do Grupo EQM, Eduardo de Queiroz Monteiro, contou com homenagens aos setores empresarial, político e jurídico

Moagem da Usina Cucaú Moagem da Usina Cucaú  - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

O início da moagem da cana-de-açúcar representa a renovação de economia, com geração de emprego e renda. A Usina Cucaú, localizada em Rio Formoso, na Mata Sul de Pernambuco, celebra o início da moagem da safra 2021/2022 nesta segunda-feira (20). E, este ano, em especial, a celebração também comemora 130 anos da Cucaú.

Em evento restrito que reuniu representantes do setor político, empresarial e jurídico, a usina realizou uma cerimônia para comemorar os anos de tanto trabalho e empenho pelo fortalecimento do setor sucroalcooleiro.

Durante a manhã, o padre Moisés proferiu uma benção à moagem, aos trabalhadores e a todos que estavam presentes. Em seguida, o presidente da Cucaú, Eduardo de Queiroz Monteiro, falou para todos os presentes.

“O coração de Cucaú é grande, todas as referenciadas aqui guardam uma relação com a usina. Cucaú está em um ponto generoso, uma boa topografia, mas nada é mais importante que a força de trabalho. Esse sentimento de pertencimento foi quem nos trouxe até aqui”, enfatizou Eduardo Monteiro.

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, também presente no evento, destacou o desenvolvimento econômico que é promovido pela Cucaú. “A Cucaú se adaptou a novos tempos, ajuda a desenvolver a Mata Sul e região, gerando emprego e renda”, afirmou Câmara. 

Ainda na solenidade, duas placas foram inauguradas na usina. Uma em homenagem aos 130 anos e outra em homenagem ao centenário já completado.

Personalidades homenageiam a Usina Cucaú. Confira os depoimentos: 

Paulo Câmara (PSB), governador de Pernambuco

"Representa avanços. Cucaú se adaptou a novos tempos, ajuda a gerar emprego e renda. Continuem ajudando Pernambuco, a Mata Sul a se desenvolver"

João Campos (PSB), prefeito do Recife

A gente celebra, hoje, os 130 anos da Usina Cucaú, importante papel para indústria sucroalcooleira, tendo capacidade de inovar, romper os desafios, além do papel econômico para Pernambuco, além de garantir emprego e renda para Mata Sul e cidades vizinhas. Numa crise com mais de 18% da região nordeste desempregado, quero parabenizar o presidente Eduardo Monteiro."

Décio Padilha, secretário da Fazenda de Pernambuco

"O setor sucroalcooleiro é imprescindível para o estado de Pernambuco, mobiliza mão de obra, pessoas tendo sua renda econômica. Proteção social forte. Do ponto de vista histórico, foi responsável pela formação cultural. Do ponto de vista de modernização, está em momento de retomada, capacidade de resiliência. Usina Cucaú é uma grande usina, tem 6 mil pessoas trabalhando, e a gente torce que se comemore mais 130 anos na sua existência. Enxergamos essa celebração de um empreendimento histórico que passou por tanta transformação do País e resistiu e se adaptou."

Fernando Bezerra Coelho (MDB), senador

"Nós estamos testemunhando um fato inédito que justifica essa grande celebração. Primeiro a trajetória da Usina Cucaú de um empreendimento que contribuiu para o desenvolvimento de Pernambuco, sobretudo para a Mata Sul. Cucaú conseguiu alcançar seus objetivos na geração de emprego e renda. Homenagear os que procederam à liderança de Eduardo Monteiro, não só em PE como fora de Pernambuco. Uma das empresas que mais tem se destacado."

Luciano Bivar (PSL), deputado federal

"Se mistura com a história de Pernambuco. Sucesso de um trabalho incessante, todos nós pernambucanos nos sentindo muito orgulhosos. Contribui para a economia do Estado, que está na terceira geração, com Eduardo, nos causa muita alegria e admiração."

Fernando Filho (DEM), deputado federal

"Primeiro ela se confunde com a história canavieira do Estado, como o centenário mostra Cucaú chegar moderna, atual, importante para todos, não só os trabalhadores, as lideranças políticas do Estado, que viemos prestar. Nunca foi tão atual. Desde sempre foi a vocação de Pernambuco. Quando a gente lançou a ideia do renovabio era estimular o setor sucroenergético, correta atribuição a cada produto, ele precisa ter uma lógica econômica financeira. Pegada de carbono, redução de emissões. O renovabio veio para criar os cbios, para ser mais uma forma de premiar o bom produtor que visa as melhores práticas. Reafirmar a importância do setor e premiar os produtores. O setor vive um melhor momento." 

Tadeu Alencar (PSB), deputado federal

"Setor sucroenergético vem se modernizando ultimamente, a economia de Pernambuco depende da economia canavieiras há anos. Essa cultura se conectou com o que existe de mais moderno no mundo; uma matriz energética limpa, parques agroindustriais. A Usina Cucaú é um exemplo disso, de modelar a modernização e garantir emprego e renda dos pernambucanos. Sou entusiasta do setor. Está de parabéns o presidente Eduardo Monteiro, celebração tão importante para o Estado." 


Raul Henry (MDB), deputado federal 

"A usina é um exemplo excelência empresarial. Ela se mantém nesses 130 anos numa atividade ininterrupta
Uma família que transformou isso num simbolo."

Renato Cunha, presidente do Sindaçúcar-PE e vice-presidente da Fiepe

"A Usina  Cucaú nesses 130 anos retrata em sua trajetória, um verdadeiro símbolo de empresa  obstinada pelo empreendedorismo, sendo detentora, desde sempre, de imensa capacidade de resiliencia. O seu presidente, Eduardo de Queiróz Monteiro, é um incomum articulador  que faz a diferença nessa significativa longevidade de 130 anos. Uma organizacao na rota de se perpetuar, junto com uma aguerrida e compromissada  equipe, envolvida  na relevantíssima causa de gerar renda,tributos empregos nesse nosso tão querido Pernambuco. Registramos com justiça as insubstituíveis gestões passadas dos industriais Amando Monteiro e Armando monteiro Filho, que com demais familiares , muito legaram aos dias atuais."


Plinio Nastari, presidente da Datagro e do Instituto Brasileiro de Bioenergia e Bioeconomia

"A Cucaú é um exemplo de resiliência não só pelos 130 anos de operação, mas pelos momentos marcantes que ela teve que superar na sua existência. Motivos de interferência política, regulatória, climática, de legislação, de condições de competição internacional geradas as vezes em terras distantes. Representa o desenvolvimento, o que a gente vê da força desse povo tão aguerrido, que está presente em todos os momentos, povo trabalhador que ajudou a desenvolver várias regiões do Brasil. A gente vê Cucaú como a origem desse povo trabalhador a liderança da família Monteiro com muita determinação, paciência, disciplina é o que fez a Cucaú tenha chegado até esse momento. É um momento de reverência, agradecimento e aprendizado. Exemplo de ética, de moral, força de trabalho. Pra mim, é um privilégio ter recebido o convite para estar aqui presente, abraçar EQM, sua esposa, Claudia, família rica com pessoas inteligentes de qualidade, liderança, que se complementam."

Alexandre Andrade, presidente da Feplana
 
"É muito importante para a região, o Estado e os fornecedores de cana. Dr. Armando sempre teve uma relação para ajudar 
Dr, Eduardo, não diferentemente, Cucaú representa para a nossa classe e o Estad desenvolvimento econômico, atividade agrícola canavieira. A gente acredita que Pernambuco terá uma safra melhor que o ano passado."


Pedro Roberio (Sindaçúcar-AL), presidente do conselho Novabio

"De fato, estamos no início da nova safra nordestina, seguramente a comemoração é um ponto fora da curva pelo significado histórico dessa unidade, a história da família é de vitória, superação, respeito ao social. É uma referência que toda a produção nordestina deve considerar, Eduardo continua reunindo."  

Gerson Carneiro Leão, presidente do Sindicato dos Cultivadores de Cana no Estado de Pernambuco 

"É muito importante os 130 anos da usina, na frente esse gigante que é Eduardo, porque ele tem coragem de mamar em onça. Essa usina deve gerar mais de 6 mil empregos, beneficiando toda a região. Parabéns."

Gregório Maranhão, dirigente da Unidas 

"A vida média da empresa brasileira é de apenas 50 anos. 130 anos de existência é um verdadeiro fenômeno. Só foi possível graças à saga e perseverança dessa família. Cucaú é um dos mais importantes ativos de Pernambuco." 

Fernando Lins, superintendente da usina Cucaú 

"Conheci o patriarca Armando Monteiro em 1978. Conheço a quinta geração do grupo. Posso dizer que sou amigo a partir da 2ª geração. Estou aqui há 44 anos. A Cucaú representa minha vida profissionalmente e a segunda família pra mim é a Monteiro."

 

Veja também

Bitcoin se aproxima de máximo histórico e regulador americano contempla abrir o mercado
Bitcoins

Bitcoin se aproxima de máximo histórico e regulador americano contempla abrir o mercado

Empresas brasileiras serão mais cobradas por compromisso ambiental
Empresas

Empresas brasileiras serão mais cobradas por compromisso ambiental