economia

Dados mostram dimensão histórica do impacto da Covid-19 na economia

Nas palavras do Banco Mundial, a economia global sofreu um golpe devastador que levará à recessão mais profunda desde a Segunda Guerra Mundial

Banco MundialBanco Mundial - Foto: Reprodução

Uma crise como nenhuma outra, uma recuperação incerta. É dessa forma que o FMI (Fundo Monetário Internacional) resume o impacto da Covid-19 sobre a economia mundial. A reportagem selecionou uma série de dados econômicos que mostram as dimensões históricas da crise atual no mundo e também no Brasil.

Nas palavras do Banco Mundial, a economia global sofreu um golpe devastador que levará à recessão mais profunda desde a Segunda Guerra Mundial. A contração esperada para a economia só fica abaixo do que foi verificado na Grande Depressão dos anos 1930 e nos períodos relacionados às duas grandes guerras do século 20.

No Brasil, prevê-se a recessão mais profunda em pelo menos 120 anos, período para o qual há dados, segundo estudo do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada).

 



A contração seria ainda maior não fosse a decisão do país de injetar expressivos recursos na economia, que levarão o Brasil a registrar um déficit histórico nas contas públicas e vão elevar seu endividamento a um patamar inédito, como mostram as projeções da Instituição Fiscal Independente, órgão do Senado, e do próprio governo federal.

Segundo o ministro Paulo Guedes (Economia), o mundo foi atingido por um meteoro, que eliminou qualquer chance de recuperação do crescimento brasileiro neste ano.

Reflexos dessa crise podem ser vistos em todos os grandes setores: no comércio e nos serviços, que vinham puxando a economia brasileira havia décadas, e na indústria, que já vinha operando em níveis modestos havia anos.

A queda na produção de veículos aos níveis da década de 1950 é um exemplo do impacto das necessárias medidas de distanciamento social, que ajudaram a mitigar a crise.

A inflação em níveis baixos tem permitido ao Banco Central reduzir os juros para o menor patamar da história recente, mas a reação da atividade a esse novo piso ainda é incerta.

Citando mais uma vez o Banco Mundial, a pandemia e as medidas de isolamento social afetaram bilhões de vidas e estão prejudicando décadas de progresso econômico e desenvolvimento. Devem também ter impacto profundo sobre os níveis de pobreza.

Por ser a primeira recessão global desencadeada por uma pandemia, a crise atual gera ainda mais desafios aos formuladores de políticas, segundo a instituição, e tornam a sua profundidade e sua recuperação mais incerta.

Veja também

Guedes anuncia debandada e saída de dois secretários especiais da Economia
brasil

Guedes anuncia debandada e saída de dois secretários especiais da Economia

Bolsonaro assina projeto de lei para estimular navegação de cabotagem no Brasil
governo

Bolsonaro assina projeto de lei para estimular navegação de cabotagem no Brasil