Confecções

Definidas datas das feiras do Polo de Santa Cruz

Primeira alta temporada de 2021 no Polo de Confecções de Santa Cruz do Capibaribe terá sete datas nos meses de maio e junho, no Moda Center e Calçadão Miguel Arraes

Moda Center, em Santa Cruz do CapibaribeModa Center, em Santa Cruz do Capibaribe - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

Estão definidos os calendários de feiras do Moda Center Santa Cruz e do Calçadão Miguel Arraes, que acontecerão a partir dos dias 16 e 17 de maio, e terminam nos dias 27 e 28 de junho, finalizando a temporada. A oficialização das datas aconteceu após um encontro entre representantes do Moda Center, do Calçadão, da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe e da Câmara de Dirigentes Lojistas do município. Serão sete datas, sendo três em maio, e quatro feiras no mês de junho.

Por conta da pandemia da Covid-19 e dos protocolos impostos, os centros de compras funcionarão em horários especiais por conta dos decretos governamentais. Aos domingos, as feiras funcionarão das 6h às 14h; e segundas-feiras, das 5h às 15h.

Os horários são permitidos pelo Governo do Estado, que autorizou no fim do mês de março o funcionamento do comércio de centro e de shopping, assim como as feiras de confecções, no horário das 5h até 20h em dias úteis, respeitando o limite de até dez horas de funcionamento contínuo. Nos fins de semana, o horário é das 6h às 17h, sendo permitido o funcionamento de até oito horas contínuas.

Para as duas feiras em Santa Cruz do Capibaribe, o funcionamento poderá sofrer alteração caso um novo decreto estadual venha a ser publicado.

Segundo o síndico do Moda Center, José Gomes Filho, o calendário foi elaborado com base nas determinações das autoridades, para respeitar os protocolos. “Esse calendário vinha sendo preparado há um bom tempo, porém, para que pudéssemos divulgá-lo, precisávamos ter todas as prerrogativas que atendessem os decretos em vigor neste período de pandemia. Alinhamos com o poder público municipal, que é parceiro fundamental para que essas feiras possam acontecer com toda a segurança e responsabilidade”, disse.

De acordo com o gerente administrativo do Moda Center, George Pinto, a expectativa é que estas feiras tenham uma movimentação melhor. “Temos duas temporadas, a do meio do ano e no final do ano, e essa será no domingo e segunda, estamos mantendo o que decidimos em assembleia. Esse ano a gente tem uma expectativa melhor porque no domingo melhora o movimento. Não haverá festas juninas, mas estamos esperançosos de que melhore um pouco no polo pernambucano, é uma expectativa grande”, completou George.

Veja também

Prova de vida do INSS volta a cortar benefícios em junho
Previdência

Prova de vida do INSS volta a cortar benefícios em junho

Supermercados têm alta de 7% nas vendas do primeiro trimestre
Economia

Supermercados têm alta de 7% nas vendas do primeiro trimestre