Demanda das empresas por crédito cai em outubro

Segundo a Serasa Experian, a queda da demanda empresarial por crédito em outubro foi puxada pelas micro e pequenas empresa

A demanda empresarial por crédito caiu 9,9% em outubro na comparação com setembro, de acordo com o Indicador Serasa Experian de Demanda das Empresas por Crédito. Na comparação com outubro do ano passado, houve queda de 10,7%. No acumulado de janeiro a outubro, a demanda das empresas por crédito teve retração de 1,3% ante o acumulado do mesmo período do ano passado.

Segundo a Serasa Experian, a queda da demanda empresarial por crédito em outubro foi puxada pelas micro e pequenas empresas, com recuo de 10,4% ante o mês de setembro. Nas médias empresas houve queda de 1,0% e no caso das grandes houve estabilidade.

Os dados mostram ainda que, no acumulado do ano até outubro, a demanda empresarial por crédito recuou em quatro regiões do país: Norte (-5,8%); Centro-Oeste (-1,9%); Nordeste (-1,0%) e Sudeste (-0.3%). Houve alta apenas na Região Sul (2,5%).

De acordo com os economistas da Serasa Experian, o aprofundamento da recessão econômica, reduzindo a demanda por capital de giro, e as elevadas taxas de juros, tornando o crédito mais caro, tem desestimulado a busca das empresas por crédito.

Veja também

Caixa paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários
Auxílio Emergencial

Caixa paga auxílio emergencial para 5,2 milhões de beneficiários

Confiança da indústria atinge maior nível em nove anos
Economia

Confiança da indústria atinge maior nível em nove anos