EUA

Disney corta 28.000 empregos nos EUA por causa da pandemia

A empresa justificou a demissão em massa pela capacidade reduzida em locais vinculada à distância física necessária para conter a Covid-19

Parque de diversões da Disney nos Estados UnidosParque de diversões da Disney nos Estados Unidos - Foto: David Mcnew / AFP

A gigante do entretenimento Disney anunciou nesta terça-feira 28 mil demissões em suas atividades de parques de diversões, cruzeiros, eventos e produtos derivados, devido ao impacto da pandemia. 

A decisão decorre do "impacto prolongado da Covid-19 em nossos negócios, incluindo capacidade reduzida em locais vinculada à distância física e incertezas sobre a duração da pandemia", explicou o grupo em comunicado. 

Entre abril e junho, o faturamento dessas atividades caiu 85% em relação ao mesmo período do ano passado, para 983 milhões de dólares.

 

Veja também

Retomada surpreende shoppings, que veem mais concorrência com comércio eletrônico
Comércio

Retomada surpreende shoppings, que veem mais concorrência com comércio eletrônico

Dólar se afasta de mínimas com foco em negociações nos EUA
BOLSA DE VALORES

Dólar se afasta de mínimas com foco em negociações nos EUA