Dólar cai para R$ 3,30, menor cotação em mais de um mês; Bolsa recua

O real teve a maior valorização entre as principais moedas nesta sessão

O prefeito de São Lourenço da Mata, Bruno Pereira, se reuniu com o governador Paulo Câmara acompanhado do deputado estadual Guilherme Uchôa Júnior.O prefeito de São Lourenço da Mata, Bruno Pereira, se reuniu com o governador Paulo Câmara acompanhado do deputado estadual Guilherme Uchôa Júnior. - Foto: Divulgação

O dólar voltou a cair ante o real nesta quinta-feira (22), terminando na casa dos R$ 3,30. É o menor patamar desde 9 de novembro (R$ 3,2026), logo após a eleição do republicano Donald Trump para a presidência dos EUA.

Em uma sessão marcada pelo baixo volume de negócios, por causa do fim do ano, a moeda americana à vista fechou em baixa de 0,93%, a R$ 3,3019, enquanto o dólar comercial caiu 0,93%, a R$ 3,3010.

O real teve a maior valorização entre as principais moedas nesta sessão. O dólar teve comportamento misto no exterior, após o PIB (Produto Interno Bruto) americano do terceiro trimestre ter sido revisado para cima. O indicador subiu a uma taxa anualizada de 3,5% no período, ante leitura anterior de 3,2% e expectativas de 3,3%.

Durval Correa, diretor de câmbio da corretora MultiMoney, avalia que o movimento no mercado doméstico é especulativo. "Há investidores tentando fazer o dólar cair já de olho na formação da Ptax do fim do mês", afirma. A Ptax é uma taxa calculada pelo Banco Central que serve de referência a contratos cambiais.

O alívio na tensão política nos últimos dias, depois de vazamentos de delações premiadas da Odebrecht no âmbito da Operação Lava Jato, contribuiu para a tranquilidade no câmbio.

Segundo profissionais do mercado, as medidas anunciadas pelo presidente Michel Temer destinadas a agradar a classe média e trabalhadores nesta quinta-feira não influenciaram os negócios.

JUROS

No mercado de juros futuros, as taxas caíram, refletindo a valorização do real, a menor aversão ao risco e as expectativas de queda mais agressiva da taxa básica de juros (Selic). Essa percepção foi reforçada com o Relatório Trimestral de Inflação do Banco Central.

Divulgado nesta quinta-feira, o documento reduziu de 1,3% para 0,8% a projeção para o crescimento da economia brasileira em 2017. O BC também avaliou que a desaceleração da inflação teve resultados melhores que os esperados.
Por enquanto, a maior parte do mercado espera corte de 0,50 ponto percentual da Selic em janeiro, mas crescem as apostas de redução de 0,75 ponto. Atualmente, a taxa está em 13,75% ao ano."O relatório do BC corrobora algo que o mercado tem precificado: os juros continuarão a cair nos próximos meses, e o ritmo de cortes deve ser intensificado", afirma a equipe de análise da Guide Investimentos, em relatório.

"No relatório divulgado hoje [quinta], ficou a impressão de que a próxima queda da Selic pode ser de 0,75 ponto", escreve o economista José Francisco de Lima Gonçalves, do Banco Fator. O contrato de DI para janeiro de 2018 caiu de 11,600% para 11,590%; o DI para janeiro de 2021 recuou de 11,480% para 11,430%; e o DI para janeiro de 2026 cedeu de 11,830% para 11,740%.

Segundo analistas, o comportamento dos juros futuros embute 30% de probabilidade de uma redução de 0,75 ponto percentual da taxa básica de juros.

BOLSA

O Ibovespa seguiu o movimento das Bolsas no exterior e terminou a sessão em baixa de 0,68%, aos 57.255,22 pontos. O giro financeiro foi de R$ 6,1 bilhões.
Pressionados pela queda do minério de ferro na China, os papéis PNA da Vale lideraram o ranking de principais desvalorizações do índice, com -5,18%. Vale ON perdeu 4,15%.

Apesar da alta do petróleo no mercado internacional, as ações da Petrobras perderam 2,30% (PN) e 1,20% (ON).

No setor financeiro, Itaú Unibanco PN subiu 0,81%; Bradesco PN, -0,55%; Bradesco ON, -0,29%; Banco do Brasil ON, -0,95%; Santander unit, -0,44%; e BM&FBovespa ON, -0,64%.

As ações ON da empresa de cartões Cielo subiram 0,35%. Nesta quinta-feira, o governo anunciou que vai limitar crédito rotativo a 30 dias para reduzir juros no cartão.

Veja também

Burger King convida 'Paulos Guedes' para nova campanha publicitária
Fast Food

Burger King convida 'Paulos Guedes' para nova campanha

Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
Combustível

Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras