Dólar sobe novamente e Ibovespa fica abaixo dos 70 mil pontos

As ações das principais empresas, chamadas de blue chip, também apontavam queda no primeiro pregão da semana, com os papéis preferenciais da Petrobras

DólarDólar - Foto: MarinaMahmood/ Arquivo Folha de Pernamb

O dólar começou a semana em alta, fechando nesta segunda-feira (18) com um avanço de 0,27%, cotado a R$ 3,74 para venda. A ação do Banco Central (BC) de injetar US$ 10 bilhões em swaps cambiais (venda futura da moeda norte-americana) nesta semana foi insuficiente para barrar os efeitos da disputa comercial entre China e Estados Unidos.

Leia também
'Seguro cambial' mais barato pressiona demanda por dólar no mercado futuro
Dívidas das empresas em dólar aumentam risco para o país


Na semana retrasada, o BC adotou a mesma estratégia, realizando US$ 24,5 bilhões em swaps cambiais. Os efeitos externos também contribuíram para a queda do índice da Bolsa de Valores de São Paulo (Ibovespa), que fechou nesta segunda em baixa de 1,33% com 69.814 pontos, marca abaixo dos 70 mil pontos não registrada desde agosto de 2017.

As ações das principais empresas, chamadas de blue chip, também apontavam queda no primeiro pregão da semana, com os papéis preferenciais da Petrobras caindo 2,61%, do Itau 2,05 e do Bradesco 2,99%.

Veja também

Magalu compra mais uma empresa e anuncia entrega em até 1 hora
Negócios

Magalu compra mais uma empresa e anuncia entrega em até 1 hora

MP da Eletrobras é 'onerosa', mas melhor que nada, diz Salim Mattar, ex-secretário de Guedes
Privatização

MP da Eletrobras é 'onerosa', mas melhor que nada, diz Salim Mattar, ex-secretário de Guedes