Petrobras
PetrobrasFoto: Divulgação

A Petrobras informou que concluiu nesta terça (4) a operação de venda da subsidiária Nova Transportadora do Sudeste (NTS) ao fundo de investimentos em participações (FIP) Nova Infraestrutura, gerido pela canadense Brookfield.

Com isso, recebeu nesta data a quantia de US$ 4,23 bilhões -US$ 2,59 bilhões referentes aos 90% das ações da companhia repassadas ao fundo e US$ 1,64 bilhão referentes a debêntures conversíveis em ações emitidas pela NTS.

Outros US$ 850 milhões serão pagos em cinco anos. A venda da NTS é a maior operação de venda de ativos fechada pela Petrobras até agora, no valor total de US$ 5,1 bilhão.
A subsidiária opera a malha de gasodutos da região sudeste. A estatal manteve uma fatia de 10% e será agora cliente da empresa.

Os gasodutos serão operados por outra subsidiária da Petrobras, a Transpetro, pelo menos pelos próximos 10 anos. Em nota, a estatal informou ainda que, após o fechamento da operação, o FIP Nova Infraestrutura vendeu uma fatia de 7,65% das ações da NTS para a Itaúsa.

O conselho de administração da companhia terá sete representantes do FIO, dois da Petrobras e um da Itaúsa. A operação faz parte do programa de venda de ativos da estatal, que prevê arrecadar US$ 34,6 bilhões até 2018, dos quais US$ 13,6 bilhões já foram vendidos em 2016.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: