Carros
CarrosFoto: Agência Brasil/EBC

Donos de mais de 2 milhões de veículos no Brasil têm direito de pedir de volta o valor pago a mais do DPVAT deste ano. Esses motoristas pagaram o seguro obrigatório antes de sair a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) que reduziu a cobrança. Segundo a seguradora Líder, que administra o DPVAT, o estado de São Paulo é o que mais concentra veículos com direito ao reembolso: mais de 900 mil.

Na quinta-feira (9), o presidente do STF, ministro Dias Toffoli, restabeleceu a redução dos valores do seguro obrigatório. Com a medida, proprietários de moto vão pagar R$ 12,30, no lugar dos R$ 84,58 cobrados até a última quarta-feira (8). Para carros de passeio, o DPVAT caiu de R$ 16,21 para R$ 5,23.

Os pedidos de devolução do dinheiro podem ser feitos a partir de quarta-feira (15) no site. No cadastro, o proprietário deverá informar CPF ou CNPJ, Renavam, email e telefone para contato, data em foi feito o pagamento, valor pago, banco e agência da conta-corrente ou poupança.

O seguro DPVAT deve ser pago, uma única vez ao ano, com cota única ou com a primeira parcela do IPVA, acompanhando os calendários de cada estado.

Segundo a seguradora Líder, entre os estados onde há mais proprietários com direito à restituição, logo atrás de São Paulo, estão Minas Gerais, com mais de 310 mil veículos, e Rio Grande do Sul, com mais de 215 mil veículos.

CONFIRA O VALOR DO DPVAT
TIPO DE VEÍCULO - ATÉ 2019 - VALOR EM 2020
Carro - R$ 16,21 - R$ 5,23
Táxi - R$ 16,21- R$ 5,23
Ônibus - R$ 37,90 - R$ 10,57
Micro-ônibus - R$ 25,08 - R$ 8,11
Ciclomotores - R$ 19,65 - R$ 5,67
Moto - R$ 84,58 - R$ 12,30
Caminhões - R$ 16,77 - R$ 5,78

DEVOLUÇÕES DO DPVAT POR ESTADO

ESTADO - VEÍCULOS QUE PAGARAM DPVAT A MAIS
Acre - 3.000
Alagoas - 5.000
Amazonas - 8.000
Amapá - 1.000
Bahia - 27 mil
Ceará - 50 mil
Distrito Federal - 20 mil
Espírito Santo - 10 mil
Goias - 27 mil
Maranhão - 13 mil
Minas Gerais - 310 mil
Mato Grosso do Sul - 12 mil
Mato Grosso - 22 mil
Pará - 6.000
Paraíba - 9.000
Pernambuco - 32 mil
Piauí - 6.000
Paraná - 100 mil
Rio de Janeiro - 52 mil
Rio Grande do Norte - 14 mil
Rondônia - 8.000
Roraima - 2.000
Rio Grande do Sul - 215 mil
Santa Catarina - 65 mil
Sergipe - 6.000
São Paulo - 900 mil
Tocantins - 5.000

TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE O PAGAMENTO DO IPVA E DO DPVAT
1 - Até quando dá para pagar o IPVA?
É possível pagar o imposto à vista, com desconto de 3%, parcelado em três vezes ou em uma vez só, em fevereiro (para quem perder o prazo)
No estado de São Paulo, o pagamento à vista ou parcelado começa a vencer nesta quinta-feira (9)

VEJA O CALENDÁRIO DE PAGAMENTO DO IPVA NO ESTADO DE SÃO PAULO
FINAL DA PLACA - 1ª PARCELA OU PAGAMENTO À VISTA - 2ª PARCELA OU COTA ÚNICA SEM DESCONTO - 3ª PARCELA

1 - 9 de janeiro - 11 de fevereiro - 11 de março
2 - 10 de janeiro - 12 de fevereiro - 12 de março
3 - 13 de janeiro - 13 de fevereiro - 13 de março
4 - 14 de janeiro - 14 de fevereiro - 16 de março
5 - 15 de janeiro - 17 de fevereiro - 17 de março
6 - 16 de janeiro - 18 de fevereiro - 18 de março
7 - 17 de janeiro - 19 de fevereiro - 19 de março
8 - 20 de janeiro - 20 de fevereiro - 20 de março
9 - 21 de janeiro - 21 de fevereiro - 23 de março
0 - 22 de janeiro - 24 de fevereiro - 24 de março

2. Até quando devo pagar o DPVAT?
Os proprietários devem pagar o DPVAT de 2020 até as datas de vencimento da cota única ou da primeira parcela do IPVA de cada estado, segundo a Seguradora Líder.
Quem não recolhe o seguro obrigatório fica sem a cobertura em caso de acidente
O pagamento dos tributos é indispensável para fazer o licenciamento anual do veículo, realizado diretamente no Detran (departamento de trânsito).

3 - Onde devo pagar o IPVA?
O IPVA pode ser pago na rede bancária autorizada (guichê do caixa, autoatendimento, internet banking, débito agendado) ou nas lotéricas
É preciso informar o código Renavam, que está no documento do carro

4 - Como saber o valor que devo pagar pelo IPVA?
A consulta ao valor e o pagamento do IPVA podem ser feitos nos canais de atendimento dos bancos
Também é possível verificar o valor diretamente no site da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo. Nesse caso, além do Renavam, será necessário informar a placa do veículo

5 - Dá para pagar no cartão de crédito?
Sim, é possível realizar o pagamento do IPVA parcelado no cartão de crédito
O serviço, porém, tem taxa e juros definidos pela empresa credenciada

Informações sobre o parcelamento podem ser obtidas no site.

6. Já posso pagar o licenciamento do carro?
Desde 2 de janeiro de 2020, o contribuinte do estado de São Paulo que desejar também pode optar pelo licenciamento antecipado e realizar o pagamento independentemente do número final da placa do veículo:
Em cota única, até o dia 22 de janeiro de 2020, com desconto de 3%
Em cota única, até o dia 24 de fevereiro de 2020, sem desconto
Até o dia 24 de março de 2020, relativamente ao pagamento da terceira parcela, quando foi feita a opção pelo parcelamento.

Especiais
Paleoarte
Paleoarte
Drone
Drone
Natureza
Natureza
Acervo Última Hora
Acervo Última Hora
Belmonte
Belmonte
Especial Parceiros
Especial Parceiros
São Paulo antiga
São Paulo antiga
Cenas de São Paulo
Cenas de São Paulo
Copa América
Copa América
Pan 2019
Pan 2019
Mobilidade Urbana
Mobilidade Urbana
Getúlio Vargas
Getúlio Vargas
Amazônia
Amazônia
Fernanda Montenegro
Fernanda Montenegro
Eleição Direta 1989 - 30 anos
Eleição Direta 1989 - 30 anos
Personalidades - Mortes 2019
Personalidades - Mortes 2019

veja também

comentários

comece o dia bem informado: