Maioria dos beneficiados vai pagar dívidas
Maioria dos beneficiados vai pagar dívidasFoto: Marcos Santos/USP Imagens

De olho nos brasileiros que pretendem usar o 13º salário para pagar dívidas, a Serasa Experian realiza mutirão de negociação online com a expectativa de beneficiar milhares de consumidores. É que mais de mil empresas estão participando do chamado Feirão Limpa Nome da Serasa e muitas delas estão com descontos de até 90% para os clientes em atraso.

“Estamos reunindo as empresas que querem recuperar seu crédito com as pessoas que estão querendo pagar”, explicou o diretor de estratégias da Serasa, Raphael Salmi, contando que, neste ano, o mutirão acontece apenas pela internet para que empresas de todo o País possam participar da iniciativa. “Temos grandes empresas como bancos, financeiras, cartões de crédito e lojistas, mas também pequenos negócios como escolas de idiomas e varejistas”, disse.

Ainda segundo Salmi, as condições do feirão, que segue até o próximo dia 30, são as melhores do mercado. “Os descontos são maiores que os ofertados ao longo do ano. Podemos dizer que a possibilidade de negociação está 30% maior”, calculou, garantindo que a negociação é simples. “Ao se cadastrar no site, o consumidor verifica as dívidas listadas no Serasa e as empresas que participam do feirão. Depois, pode fazer a negociação e baixar o boleto da empresa credora no próprio site”, explicou, revelando que mais de quatro milhões de pessoas já acessaram o site do feirão.

Leia também:
13º deve injetar R$ 200 bilhões na economia; maioria quer pagar dívidas
Endividamento de consumidores cresce no país em outubro

Caixa
A Caixa Econômica Federal também está com condições de negociação diferenciadas neste fim de ano. A intenção é regularizar a situação cerca de 3,4 milhões no País, sendo 200 mil em Pernambuco. É a campanha #quitafácil, que vai até 28 de dezembro, em todas as agências e no site do banco.

Gerente regional da Caixa, João Carlos Sá Leitão contou que os descontos podem chegar a 90% do valor original da dívida, mas não contemplam o crédito habitacional. A campanha se restringe a operações comerciais como financiamentos de veículos, cheque especial, antecipação de recebíveis e empréstimos. A renegociação pode ser feita tanto por pessoas físicas quanto jurídicas, além das famílias interessadas em quitar os débitos deixados por entes falecidos. As pessoas jurídicas, no entanto, só podem negociar o débito de forma presencial.

comece o dia bem informado: