Mutirão de negociação de dívida
Mutirão de negociação de dívidaFoto: Gustavo Glória / Folha de Pernambuco

Até dia 7 de dezembro, a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos realiza o 15º Mutirão dos Superendividados da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor de Pernambuco (Procon-PE). Quem está inadimplente poderá negociar débitos com bancos, empresas de telefonia, em contas de luz, água e de IPTU. A ação acontece na sede do Procon, no bairro de São José, das 8h às 14h.

O Mutirão conta com a participação da Celpe, Compesa, todas as empresas de telefonia móvel e fixa e as prefeituras de Olinda e Recife para negociações do IPTU. Pela primeira vez, a Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Itaú, Bradesco e Santander estão com representantes no local para negociações diretas com o cliente. Antes, o consumidor precisava esperar cerca de 10 dias para firmar o acordo. Os outros agentes financeiros estão representados no local pela Federação Brasileira dos Bancos (Febraban).

As negociações são acompanhadas por advogados do Procon para garantir que o consumidor receba propostas que se enquadrem nas suas possibilidades financeiras.
Para o gerente do Procon-PE, Erivaldo Coutinho, a importância do Mutirão é auxiliar os consumidores a recuperarem seu crédito. “É uma questão da dignidade do cidadão, para que desta forma a sua autoestima seja estimulada”, defendeu.

Leia também
Auditores defendem repactuar cálculo do endividamento dos estados
Celebração do consumo pode levar a superendividamento, alerta juíza
[Vídeo] Como economizar nas compras de Natal?


“Quando a gente faz esse Mutirão, a gente orienta também sobre o superendividamento, para que o consumidor não volte a reincidir. Temos orientadores jurídicos e financeiros e psicólogos para dar esse suporte. Porque muitas vezes o cidadão paga a divida e volta à inadimplência”. Ao longo dos últimos quatro anos, o Procon-PE realizou 15 mutirões, atendendo 28 mil pessoas ao todo.

comece o dia bem informado: