Prova de concurso público
Prova de concurso públicoFoto: creativecommons

Olá, concurseiros! Vamos aproveitar o fim de semana para testar os conhecimentos em língua portuguesa, Segue o simulado organizado pelo professor Heber Vieira. ;)

01. A substituição da oração adjetiva por um adjetivo de valor equivalente está feita de forma inadequada em:
a) “Quando você elimina o impossível, o que sobra, por mais improvável que pareça, só pode ser a verdade”. / restante
b) “Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância”. / consciente dos limites da própria ignorância.
c) “A única coisa que vem sem esforço é a idade”. / indiferente
d) “Adoro a humanidade. O que não suporto são as pessoas”. / insuportável
e) “Com o tempo não vamos ficando sozinhos apenas pelos que se foram: vamos ficando sozinhos uns dos outros”. / falecidos

 02. Há adequada correlação entre os tempos e os modos verbais presentes na seguinte frase:
 a) A responsabilidade pelos defeitos do mundo só seria nossa caso já não estivessem prontos os elementos que constituem essa imensa infraestrutura, à qual todos estamos submetidos.
b) Nenhum de nós terá qualquer responsabilidade na injusta distribuição dos males e benefícios do mundo, a menos que a algum de nós caberia a tomada de todas as decisões.
c) Provavelmente o mundo natural apresentaria ainda mais falhas, se viermos a tomar as decisões que implicassem uma profunda alteração na ordem dos fenômenos.
d) Quem ousará remanejar os ventos e suprimir correntes marítimas, se tais poderes estivessem à disposição dos nossos interesses e caprichos?
e) Na opinião do autor do texto, o síndico ideal seria aquele cujos serviços sequer se notem, pois ele manterá com discrição sua eficiência e sua dedicação ao trabalho.

03. A frase escrita corretamente, de acordo com a norma-padrão, é:
 a) É provavel que desenhos de outros animais sejam benvindos nos livros que o autor se refere.
b) O autor expressou o desejo que os livros mantessem margens estensas e páginas em branco.
c) Os desenhos que as crianças virem a fazer nos livros deverão ser acrecidos aos poemas.
d) As páginas em branco serveriam ao proposito de oferecer às crianças espaço para desenhar.
e) As crianças terão a liberdade de expor os desenhos que julgarem mais apropriados ao livro.

04. Em todas as alternativas abaixo, encontram-se destacados exemplos de adjetivos, EXCETO:
 a) “um violento estrépito” (2°§)
b) “Assim, (apavoradas),”
c) “as rãs fogem aterrorizadas”
d) “de rotina saltitante” 0

05. No texto, o substantivo que, no singular, expressa a ideia de conjunto é:
 a) “estado” (1°§)
b) “batalhão” (4°§)
c) “rãs” (4°§)
d) “vida” (5°§)

06. Assinale a opção que apresenta o pensamento em que ocorreu a substantivação do termo sublinhado.
 a) “O corpo é um dos nomes da alma, e não o mais indecente.”
b) “Se existe alguma coisa sagrada, esta é o corpo humano.”
c) “A amizade mais sólida é aquela entre os iguais.”
 d) “Que o teu corpo não seja a primeira cova do teu esqueleto.”
 e) “O espírito está pronto, mas a carne é fraca.” “É próprio das famílias numerosas brigarem, fazerem as pazes e tornarem a brigar.” (Machado de Assis)

07. Se transformarmos as orações reduzidas, sublinhadas na frase acima, em orações desenvolvidas de modo adequado, a nova forma será:
 a) as brigas, a realização das pazes e a volta às brigas.
b) que brigassem, que fizessem as pazes e tornassem a brigar.
c) que tenham brigado, que tenham feito as pazes e que tenham tornado a brigar.
d) que briguem, que façam as pazes e tornem a brigar.
e) que brigam, que fazem as pazes e tornam a brigar.

08. Na frase “Me esperem que eu vou com vocês!”, a função do vocábulo que se repete em
a) Teremos que sair mais cedo.
b) Não se esqueça de que estamos atrasados.
 c) Eles nos disseram que sairiam mais tarde.
 d) Vão mais rápido, que devem chegar na hora.
 e) Não sabemos que dia é hoje! 

Gabarito:
1-C
2-D
3-E
4-A
5-B
6-C
7-D
8-D

comece o dia bem informado: