Espaço multiuso é o terceiro campus da instituição no Recife
Espaço multiuso é o terceiro campus da instituição no RecifeFoto: Divulgação

O Centro Universitário Brasileiro (Unibra) investiu cerca de R$ 30 milhões para a construção de um novo prédio universitário no Recife, que gerou cerca de 100 empregos e será inaugurado no dia 10 de março. O espaço é o terceiro campus recifense, localizado na rua Padre Inglês, e tem uma estrutura com salas de aula, laboratórios, área de lazer, academia exclusiva para professores, funcionários, restaurante, entre outras áreas.

De acordo com o fundador e diretor-geral da Unibra, Laércio Guerra, o prédio segue a proposta da instituição, fugindo do ensino convencional, pensando no aprendizado e em aspectos que diminuam a tensão dos estudos. “O prédio mantém a linha que a gente adotou para fazer um conceito que foge um pouco do padrão da educação convencional. É um prédio multiuso para os alunos praticarem e terem um ganho maior na sua graduação. Tem um restaurante mirante para olhar a cidade. No subsolo temos academia para nossos funcionários e alunos. Pensamos em oferecer uma boa estrutura para quem for estudar aqui, visando uma boa preparação”, disse.

Leia também:
Unibra inaugura primeiro hospital-escola veterinário
Carnaval do Recife terá R$ 25 milhões em investimento


Além disso, o prédio novo da Unibra também conta com espaços de atendimento gratuito na área de saúde. “No prédio nós temos ainda as clínicas de atendimento para a população, temos os cursos de saúde e eles possibilitam o atendimento em algumas áreas, aqui, por exemplo. Vamos ter assistências para as pessoas de forma gratuita na área de odontologia, análises clínicas, nutrição, fisioterapia, entre outros segmentos”, contou Laércio Guerra.

Do total investido no empreendimento, Laércio destaca que o aporte também foi destinado para compra de equipamentos que vão integrar as clínicas-escola da universidade. “Algo perto de R$ 30 milhões foi o valor do aporte em todo o prédio, incluindo também os equipamentos que compõem a estrutura. Como vamos ter atendimento gratuito e aberto, adquirimos produtos que são caros para as clínicas, principalmente a de odontologia, que demanda ferramentas de ponta para dar todo um suporte aos alunos na preparação para a profissão”, destacou.

O investimento no prédio no Recife representa para a instituição a consolidação do projeto em Pernambuco, por isso, Laércio Guerra antecipou que ainda este ano o centro universitário irá buscar sua atuação fora do Estado. “Entendemos que o universo de alunos que atendemos é bom. Ainda este ano nós vamos abrir uma unidade fora de Pernambuco. Pensamos em expandir o nosso modelo de ensino para outros estados, preferencialmente entrar em cidades do Norte e Nordeste”, finalizou.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: