Argo Trekking, novo hatch da Fiat
Argo Trekking, novo hatch da FiatFoto: Divulgação

Um carro com visual mais agressivo, feito para usar tanto no ambiente urbano quanto no circuito off road. É com essa proposta que o Argo Trekking - versão esportiva do hatch italiano que, assim, ganha sua sétima variação - chega ao Brasil.

Sobrenome conhecido do consumidor, por já ter batizado o Fiat Fiorino, o Palio Weekend e a picape Strada, o Trekking volta ao mercado trazendo elementos aventureiros como suspensão elevada, design exclusivo e pneus novos para o Argo, que também apresenta o consagrado motor Firefly 1.3, capaz de gerar 109 cavalos de potência e 14,2 kgfm de torque.

Leia também
Corolla será o primeiro híbrido flex feito no Brasil
Emplacamentos de veículos registram alta de 13,42% no 1º trimestre

A Fiat explica que, com esta nova configuração, a família Argo se tornou mais versátil e completa. Ou seja, não há planos para lançar outras novidades com base nesse modelo. Mas a ideia é que o índice de satisfação dos consumidores do Argo, que já é de 73% de avaliações com notas 9 e 10, se intensifique com a nova versão aventureira e que as vendas do Argo cresçam, fazendo com que o hatch alcance o posto de quinto carro mais vendido do País neste ano. "Não temos dúvidas de que o Argo Trekking será um grande sucesso, ainda mais por ter um preço altamente competitivo", afirmou o diretor da Fiat na América Latina, Herlander Zola.

O novo hatch aventureiro vai custar R$ 58.890 - valor mais acessível que o preço que vem sendo praticado por outros concorrentes do segmento, como o Renault Sandero Stepway, o Hyundai HB20, o KA Freestyle e o Onix Activ. Por enquanto, o Argo Trekking será vendido nas cores branca, vermelha e cinza, apenas com motor 1.3 e caixa de câmbio manual de cinco marchas. Mas opções com câmbio automatizado e mecânica com o motor 1.8 também estão em fase de estudos.

O Trekking se diferencia das demais versões do Argo por ter suspensão elevada e maior vão livre, o que garante bom desempenho em pisos irregulares e alto nível de conforto. Esteticamente, o visual descolado se destaca pelo teto bicolor, com barras pintadas de preto também no aerofólio e nos retrovisores, logomarca exclusiva em cromo escurecido e tecido escuro dos bancos, com costura laranja contrastante.

Segundo a Fiat, o logotipo Trekking é um símbolo composto por três diferentes significados: transcender, explorar e criar - as promessas que a marca promete ao proprietário do veículo, dentro e fora das cidades.

Mas o Argo Trekking não ganhou só um ajuste "de loja", como também de engenharia. De acordo com a Fiat, foram quase 25 mil horas de estudos, focadas principalmente na estabilidade, no comportamento dinâmico e no conforto ao rodar.

Em teste drive oferecido a profissionais especializados da imprensa, ficaram evidentes características do conjunto mecânico, como bom torque, agilidade nas saídas, retomadas e engates precisos. Os pneus especiais garantem boa tração e resistência a danos causados tanto pelos buracos do perímetro urbano, quanto pelas pedras e obstáculos do off road.

A versão de série ainda traz itens como faróis de neblina, vidros elétricos e central de multimídia Uconnect, com tela de 7 polegadas e conectividade via AndroidAuto e Carplay. Como opcionais, podem ser incluídos rodas de liga leve 6.0 de aro 15 com cor exclusiva e câmera de ré. Um dos grandes destaques é o sistema Mopar, que permite personalizar cada veículo com mais de 50 acessórios. Entre eles, as barras transversais de teto e o suporte para bicicleta. Outra novidade é a rede vertical de carga, que permite organizar objetos que antes ficariam soltos no porta-malas.

 

veja também

comentários

comece o dia bem informado: