Economia

Embraer fecha venda de até 90 'carros voadores' para empresas australianas

Encomendas serão entregues até 2026, preveem contratos firmados no Cingapura Airshow

VTOL, veículo de decolagem e pouso verticalVTOL, veículo de decolagem e pouso vertical - Foto: Divulgação/Embraer

A Embraer anunciou dois novos contratos com empresas australianas que preveem a entrega de até 90 eVTOLs, aeronaves elétricas de pouso e decolagem vertical também chamadas de “carros voadores”, até 2026. As encomendas foram fechadas no Cingapura Airshow, evento sobre aviação que acontece no país nesta semana. Os valores das encomendas não foram relevados. 

Um dos contratos prevê a entrega de até 50 eVTOls para Aviar e HeliSpirit, duas companhias do grupo Grupo HMC, que oferecem serviços especializados de fretamento, transporte público regular e turismo na Austrália. A parceria foi firmada com a Eve, braço da Embraer para o desenvolvimento da nova tecnologia. 

“A tecnologia da Eve está alinhada com nosso modelo de negócios e com o desejo de estarmos na vanguarda das soluções neutras em carbono para a indústria da aviação. A pegada de baixo ruído da aeronave a torna particularmente adequada para operações em ambientes naturais sensíveis, incluindo parques nacionais e áreas tombadas pelo Patrimônio Mundial, bem como para deslocamentos urbanos”, disse Michael McConachy, diretor executivo da Aviar e da HeliSpirit em nota. 
 

O segundo contrato foi fechado com a Microflite, uma das principais operadoras de helicópteros da Austrália. Trata-se se uma encomenda de até 40 eVTOLs, que serão usados para apoiar a mobilidade urbana na Austrália. 

A Eve tem encomendas de mais de 700 unidades de carros elétricos voadores. 

Veja também

Mercado eleva para 1,68% projeção de expansão da economia em 2024
BRASIL

Mercado eleva para 1,68% projeção de expansão da economia em 2024

Caixa paga novo Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 5
BOLSA FAMÍLIA

Caixa paga novo Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 5