Empresários debatem soluções para o Brasil

Em evento no Lide Pernambuco, presidente da Riachuelo lanço Movimento Brasil 200

Flávio Rocha, presidente da RiachueloFlávio Rocha, presidente da Riachuelo - Foto: Mandy Oliver/Folha de Pernambuco

Com o mote “Liberdade econômica constrói prosperidade e atrai investimento”, o presidente da Riachuelo, Flávio Rocha, mostrou, em palestra no Lide Pernambuco, a proposta do Movimento Brasil 200. Lançado há 15 dias, a ideia do manifesto, criado por mais 20 nomes da classe empresarial brasileira, é reunir propostas que deverão ser entregues aos candidatos do executivo e legislativo brasileiro nesta eleição, que quando eleitos, terão seus mandatos encerrados justamente no ano em que o Brasil completa 200 anos de sua independência.

Leia também:
Meirelles diz a empresários que país está vivendo momento significativo


Sem defender nomes, mas lutando por alternativas para o Brasil chegar ao bicentenário da independência mais atraente aos olhos do investidor, o Brasil 200 anos está propondo uma mobilização da sociedade para que a classe política conheça as demandas da população e se comprometa com elas no próximo mandato. “Precisamos de um presidente comprometido a fazer do Brasil um pais receptivo de investimento, afinal, não existe prosperidade sem crescimento econômico”, comenta Flávio Rocha.

Levando adiante sua missão de repercutir posições, fatos e ações relacionadas ao ambiente empresarial, político e da sociedade, o Conselho de Gestão do Lide Pernambuco recepcionou o debate com as lideranças empresariais do Estado. “O Brasil passa por um momento importante de transformação no qual a classe média e os empresários sentem a necessidade de se mobilizar, debater e lutar pelas ideias e atitudes em que acreditam. O Lide é a principal caixa de ressonância do empresariado pernambucano e tem tradição de ouvir as lideranças nacionais que assumem o papel de agentes de transformação e de defesa da cidadania”, afirma o presidente executivo do conselho, Drayton Nejaim.

Depois do Recife, o Movimento Brasil 200 segue por mais sete capitais brasileiras até março, quando retorna ao Recife para mais uma rodada de debates com as lideranças empresariais da cidade.

Veja também

Lucro do Bradesco tem terceira queda consecutiva e vai a R$ 5 bilhões
economia

Lucro do Bradesco tem terceira queda consecutiva e vai a R$ 5 bilhões

Ninguém acerta as seis dezenas, e Mega-Sena vai a R$ 52 milhões
Loterias

Ninguém acerta as seis dezenas, e Mega-Sena vai a R$ 52 milhões