Especialista comenta detalhes da reforma trabalhista

Arnaldo Barros Neto é advogado e especialista em Direito e Processo do Trabalho e acredita que a reforma foi "feita de forma açodada"

Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS)Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) - Foto: Marcos Santos/USP Imagens

A reforma trabalhista foi votada no senado e teve seu texto principal aprovado, falta apenas a sanção do presidente Michel Temer, que deve ocorrer ainda nesta quinta-feira (13). Por conta disso, a Folha de Pernambuco convidou o advogado especialista na área trabalhista, Arnaldo Barros Neto para comentar quais mudanças ocorrerão.

“A reforma foi feita de forma açodada com o governo utilizando a premissa de que vai gerar empregos, não sei se o governo está muito certo sobre isso, vamos detalhar todos os pontos”, diz Arnaldo Barros Neto. Ele é advogado trabalhista do escritório Martorelli Advogados desde 2008. Formado na Universidade Católica de Pernambuco e com pós-graduação em Direito e Processo do Trabalho.

>> Leia mais: 
Reforma consolida direitos e traz segurança jurídica, diz ministro do Trabalho
Para entidades, mudanças em reforma ferem direitos
Texto da reforma traz regras pouco comentadas
A reforma trabalhista cria empregos?
Mercado vive dia de euforia com condenação de Lula e reforma trabalhista
Jucá diz que imposto sindical não será revisto em medida provisória
Maia vai barrar medida provisória de Temer que ajusta reforma trabalhista
Temer diz que reforma trabalhista trará empregos e deixará país mais competitivo

Veja também

Bolsa sobe com recuperação chinesa, atividade econômica brasileira e aprovação de vacinas
Mercado Financeiro

Bolsa sobe com recuperação chinesa, atividade econômica brasileira e aprovação de vacinas

Burger King convida 'Paulos Guedes' para nova campanha publicitária
Fast Food

Burger King convida 'Paulos Guedes' para nova campanha