Exposição de Animais, em novembro, movimentará R$ 30 mi

A 75ª edição do tradicional evento será realizada entre os dias 5 e 13 de novembro

NegaçãoNegação - Foto: Divulgação

 

A 75ª Exposição de Animais do Recife já tem data para acontecer. Entre os dias 5 e 13 de novembro deste ano, expositores de todo o País se reúnem no Parque de Exposição do Cordeiro e devem movimentar R$ 30 milhões, a partir da comercialização de quatro mil animais. A expectativa é receber 300 mil pessoas nesta edição. Ano passado, o evento recebeu 200 mil pessoas e registrou a mesma movimentação financeira. De animais, no entanto, o mercado recebeu cinco mil animais (entre equinos, bovinos, caprinos, ovinos, suínos, além de aves e outras espécies, como coelhos e peixes) em 2015.
De acordo com o presidente da Sociedade Nordestina dos Criadores - organizadora em parceria com a Secretaria de Agricultura do Estado -, Emanoel Rocha, apesar das crises econômica e hídrica, há um entusiasmo para novos negócios. “Esperamos receber pecuaristas de todo o País. E um fator que deve nos ajudar é o fato de sermos zona livre de febre aftosa com vacinação, ou seja, nossos animais podem ser comercializados para qualquer região do Brasil”, revelou.
Segundo ele, o evento atrai um público variado que vai desde pecuaristas, empresários e profissionais liberais, até jovens de todas as idades e famílias que levam seus filhos para conhecer de perto os animais que são a atração principal da Exposição. “Como sempre, reuniremos animais de alta linhagem genética que participarão de julgamentos para escolha dos melhores exemplares de cada raça e também serão comercializados em leilões ou diretamente pelo criador nas baias”, explica Rocha. Entre os tipos de animais estão os equinos, bovinos, caprinos, ovinos e suínos, além de animais de pequeno porte, como aves, coelhos e peixes ornamentais.
Além disso, negócios também são realizados na área de estandes onde estarão em exposição máquinas e implementos agrícolas, veículos leves e pesados, tratores e ferramentas, além de postos avançados do Banco do Brasil e Banco do Nordeste que oferecerão linhas de crédito para compra dos produtos. Também no pavilhão de estandes haverá mostra de artesanato, comercialização de mudas de árvores diversas e artigos populares. Além disso, órgãos públicos e privados, além de universidades, também estarão presentes com estandes institucionais, promovendo palestras e cursos de capacitação.
Rebanhos

As criações brasileiras de suínos e galináceos cresceram em 2015 para o maior patamar de suas séries históricas, divulgou, ontem, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A pecuária suína no Brasil chegou a 40,33 milhões de cabeças em 2015, com alta de 6,3% sobre 2014. Foi a primeira vez que o total de animais passou de 40 milhões.

 

Veja também

Emprego na construção é o maior para setembro nos últimos oito anos
Economia

Emprego na construção é o maior para setembro nos últimos oito anos

Plataforma digital vai gerar 1 milhão de oportunidades para jovens
Desemprego

Plataforma digital vai gerar 1 milhão de oportunidades para jovens