Feira do Empreendedor abre janela de negócios em Pernambuco

A 12ª Feira do Empreendedor, que vai até sábado, foi iniciada com diversas oportunidades

12ª Feira do Empreendedor12ª Feira do Empreendedor - Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Para quem busca uma oportunidade de identificar um perfil empreendedor e se inspirar nas tendências do mercado futuro, nessa quarta-feira (29) foi aberta a 12ª Feira do Empreendedor. No evento gratuito, que acontece até este sábado (1º) no Centro de Convenções de Pernambuco, diversos serviços e atendimentos estão sendo oferecidos para o público. No primeiro dia, muitos visitantes buscaram informações de negócios, através de palestras, cases de sucesso e atendimento de analistas, para que seja possível o investimento em novidades de mercado.

Foi o que aconteceu com um grupo de amigos que procuram abrir um negócio e receberam orientação do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado de Pernambuco (Sebrae/PE). “Estamos amadurecendo a ideia de abrir uma empresa de cerimonial, mas também trabalhar com produções artísticas. O Sebrae/PE nos orientou a unificar as áreas para ampliar nosso leque de oportunidades. Pretendemos então conhecer mais o mercado e cadastrar como MEI [Microempreendedor Individual]”, explicou um dos jovens, Leonardo Soares, ao complementar que eles pretendem ingressar no mercado o mais rápido possível. Os visitantes também puderam fechar negócios durante a feira, ou até mesmo buscar alternativas para o futuro. Através de mais de 90 expositores, o público pôde conhecer franquias e empresas que oferecem máquinas, equipamentos e serviços.

“Apresentamos facilidade para quem quer abrir um empreendimento por conta própria ou busca um modelo de gestão formatado, como é o caso de franquias. Então, as empresas expositoras estão mostrando embalagens, mobiliários e muito mais para o negócio”, explicou a diretora técnica do Sebrae/PE, Ana Cláudia Dias. A empresa de comercialização de equipamentos para alimentação Kalanga está apresentando seus produtos durante a feira. “Muita gente tem nos procurado para fazer negócios futuros, mas também já estamos vendendo aqui algumas pequenas máquinas. Vendemos forno, máquinas de fazer coxinha e salgadinhos, por exemplo”, disse a gerente, Paula Barreto.

Social
Durante o evento, um dos espaços é dedicado ao empreendedorismo social. Por meio de cases recifenses, como é o exemplo de atividades na Ilha de Deus e na Bomba do Hemetério, os visitantes podem buscar inspirações. “É um negócio que gera impacto social, muda a realidade de comunidades, mas também gera lucro”, explicou Ana Cláudia.

Veja também

Procon-PE notifica 20 concessionárias da Ford em Pernambuco
Defesa do consumidor

Procon-PE notifica 20 concessionárias da Ford em Pernambuco

Nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial a partir desta sexta-feira
CALENDÁRIO

Nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial