Honda faz recall de 86,5 mil unidades do Fit e City por problema no airbag

A peça defeituosa, fabricada pela japonesa Takata, é pivô do mega recall global da empresa iniciado em 2010

Honda FitHonda Fit - Foto: divulgação

Proprietários dos modelos Honda Fit e City fabricados entre 2012 e 2013 podem agendar a partir desta segunda-feira (22) a troca do insuflador dos airbags. Segundo a empresa, o recall abrange 86.516 automóveis em circulação no Brasil.

A peça defeituosa, fabricada pela japonesa Takata, é pivô do mega recall global da empresa iniciado em 2010 -o maior da história da indústria automotiva, envolvendo mais de 30 milhões de veículos. A Takata pediu recuperação judicial em junho de 2017.
O defeito de fabricação no insuflador pode levar a explosão da bolsa inflável e projetar pedaços de metal contra motoristas e passageiros. Acidentes relacionados ao problema no mundo levaram à morte de 19 pessoas, deixando outros 200 feridos.

Leia também:
85% dos recalls em airbags não foram feitos, segundo Denatran
Renault anuncia recall de todas as unidades do Kwid no Brasil


Não há vítimas no Brasil. No país, 16 fabricantes já anunciaram recall por causa do defeito, o que totaliza quase 3 milhões de unidades. Somente a Honda foi responsável pelo recall de 1.391.187 unidades.

No Brasil, os proprietários do Honda Fit e City devem agendar um horário nas concessionárias para fazer o reparo. O agendamento e a consulta à necessidade do reparo deve ser feita no site da empresa ou pelo telefone 0800-701-3432.

Modelos do recall:
FIT
Modelo 2013
Chassis: DZ100001 a DZ602059
CITY
Modelo 2013
Chassis: DZ100001 a DZ300013 e D1400001 a D1411010

Veja também

Agronegócio ajudou a segurar PIB durante a pandemia, diz ministra
Brasil

Agronegócio ajudou a segurar PIB durante a pandemia, diz ministra

Dólar sobe mais de 1% e fecha em R$ 5,42 com receios no mercado
BOLSA DE VALORES

Dólar sobe mais de 1% e fecha em R$ 5,42 com receios no mercado