Índice que reajusta aluguel acumula inflação de 0,17% em 12 meses

A alta da taxa da primeira prévia de fevereiro para a prévia de março foi provocada pelos preços no atacado

PrédiosPrédios - Foto: Agência Brasil

O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M), usado no reajuste dos contratos de aluguel, registrou inflação de 0,60% na primeira prévia de março. A taxa é superior ao 0,16% registrado na primeira prévia de fevereiro. De acordo com a Fundação Getulio Vargas (FGV), o IGP-M acumula inflação de 1,44% no ano e de 0,17% em 12 meses.

A alta da taxa da primeira prévia de fevereiro para a prévia de março foi provocada pelos preços no atacado, medidos pelo Índice de Preços ao Produtor Amplo, que passou de 0,05% em fevereiro para 0,83% na primeira prévia de março.

Leia também:
Mercado financeiro reduz estimativa da inflação para 3,70%
Índice que reajusta aluguel aumenta 0,07% em fevereiro


Por outro lado, os preços no varejo e o custo da construção tiveram inflações mais moderadas. O Índice de Preços ao Consumidor, que mede o varejo, caiu de 0,40% em fevereiro para 0,17%

Veja também

Arrecadação do Fundeb pelos municípios cai R$130,9 milhões em seis meses, segundo Amupe
Municípios

Arrecadação do Fundeb pelos municípios cai R$130,9 milhões em seis meses, segundo Amupe

Projeto do governo cria marco legal das startups e do empreendedorismo inovador
Brasília

Projeto do governo cria marco legal das startups e do empreendedorismo inovador