Inflação oficial fica em 0,11% em agosto, diz IBGE

Queda foi puxada, principalmente, pelos alimentos, segundo o IPCA

Alimentos. Alimentos.  - Foto: Arquivo/Marcelo Camargo/Agência Brasil

A inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), ficou em 0,11% em agosto deste ano. A taxa é inferior ao 0,19% registrado em julho, mas superior à deflação (queda de preços) de 0,09% de agosto do ano passado.

Segundo dados divulgados hoje (6) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA acumula taxas de inflação de 2,54% no ano e de 3,43% em 12 meses.

Leia também:
Prévia da inflação de agosto desacelera em 0,08%
Bancos afirmam estudar crédito imobiliário pela inflação proposto pela Caixa

A queda da taxa de julho para agosto foi puxada principalmente pela deflação nos grupos de despesa alimentação (-0,35%) e transportes (-0,39%), em agosto. Entre os alimentos, as principais quedas de preços foram observadas no tomate (-24,49%), batata-inglesa (-9,11%), hortaliças e verduras (-6,53%) e carnes (-0,75%).

Já nos transportes, houve quedas de preços nos itens passagens aéreas (-15,66%), gasolina (-0,45%) e óleo diesel (-0,76%).

Outro grupo que registrou deflação foi saúde e cuidados pessoas (-0,03%). Por outro lado, as principais altas de preços foram registradas nos grupos habitação (1,19%), artigos de residência (0,56%) e despesas pessoais (0,31%).

Veja também

Consumidores reclamam de Black Friday sem descontos atrativos
Black Friday

Consumidores reclamam de Black Friday sem descontos atrativos

Siderúrgicas dizem que possibilidade de faltar aço 'é zero'
economia

Siderúrgicas dizem que possibilidade de faltar aço 'é zero'