concurso

Inscrições para Prêmio sobre finanças públicas terminam nesta segunda (17)

Prêmio é uma iniciativa da Secretaqria do Tesouro Nacional, BID e Enap

Fachada do Ministério da EconomiaFachada do Ministério da Economia - Foto: Valter Campanato / Agência Brasil

Terminam nesta segunda-feira (17) as inscrições para o 27º Prêmio Tesouro Nacional de Finanças Públicas, concurso promovido pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN) com apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e da Escola Nacional de Administração Pública (Enap).

Segundo os organizadores, o concurso busca “expandir as fronteiras do conhecimento” em finanças públicas e, também, “promover a normalização de temas específicos” por meio de pesquisas científicas.

Na edição 2022, o concurso apresentou mudança na categoria Monografias, que passou a ser denominada Artigos. Segundo o Ministério da Economia, o objetivo é “flexibilizar e ampliar o conjunto de submissões para o Prêmio Tesouro, de forma a estimular a participação de profissionais de finanças públicas”.

Dessa forma, os participantes poderão concorrer em duas categorias: Artigos e Soluções. Na primeira, os autores dos três melhores trabalhos serão premiados com R$ 25 mil, R$ 12,5 mil e R$ 7,5 mil, respectivamente.

Já a categoria Soluções busca estimular o desenvolvimento de iniciativas em Ciências de Dados e Inteligência Artificial aplicadas a finanças públicas, com base em desafio proposto. Os autores das duas melhores soluções serão premiados com R$ 10 mil e R$ 6 mil, respectivamente.

“Nesta categoria, podem participar pessoas físicas ou jurídicas – desde que devidamente representadas por pessoas físicas. Todos podem concorrer ao desafio e propor soluções dentro de suas áreas de atuação, sendo ainda permitida a inscrição individual ou em grupo”, informou o ministério.

As inscrições para o prêmio podem ser feitas pela internet. Para acessar o site, clique aqui.

Veja também

Tebet diz que bloqueio no Orçamento será "bem menor" que o esperado pelo governo
BRASIL

Tebet diz que bloqueio no Orçamento será "bem menor" que o esperado pelo governo

Piso, carga horária e INSS: o que mudará para motoristas de apps se projeto de Lula for aprovado
BRASIL

Piso, carga horária e INSS: o que mudará para motoristas de apps se projeto de Lula for aprovado