Investimento da indústria em 2016 foi o menor desde 2010, diz CNI

Segundo o levantamento, entre as empresas que tinham planos de investimento para 2016, 41% realizaram parcialmente, 9% adiaram para este ano e 10% cancelaram ou suspenderam por tempo indeterminado

Indústria Indústria  - Foto: Toru Yamanaka/AFP

Um total de 67% das grandes indústrias instaladas no Brasil investiram no ano passado. O índice é o mais baixo desde 2010. Os números estão na pesquisa Investimentos na Indústria, divulgada nesta quarta-feira (8) pela CNI (Confederação Nacional da Indústria). As informações são da Agência Brasil.

Segundo o levantamento, entre as empresas que tinham planos de investimento para 2016, 40% fizeram os projetos como planejado, 41% realizaram apenas parcialmente, 9% adiaram o investimento para este ano e 10% cancelaram ou suspenderam por tempo indeterminado.

Com relação ao foco de aplicação, 38% do total do ano passado buscou a melhora do processo produtivo. Um percentual de 18% das aplicações foram destinadas à introdução de novos produtos e 3% às mudanças no processo produtivo.

A incerteza econômica foi o motivo apontado com mais frequência para frustração dos planos de investimentos, com 80% das menções dos empresários consultados. Em seguida, com 54% das respostas, foi citada a reavaliação da demanda e ociosidade elevada. Por fim, em terceiro lugar, com 39% das menções, ficou o custo dos financiamentos.

O levantamento foi feito entre 21 de novembro e 9 de dezembro de 2016, com 584 empresas que têm 250 ou mais empregados.

Veja também

Fechamento de fábricas da Ford põe em dúvida futuro do setor no Brasil
Montadoras

Fechamento de fábricas da Ford põe em dúvida futuro do setor no Brasil

Pagamento de indenizações do DPVAT passa a ser feito pela CEF
Seguro

Pagamento de indenizações do DPVAT passa a ser feito pela CEF