Reformas

Lira e Pacheco dizem a empresários que reforma administrativa pode ser aprovada em quatro meses

Os presidentes da Câmara e do Senado tiveram reunião nesta segunda-feira (01) e trataram de reformas

Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco e Presidente da Câmara, Arthur LiraPresidente do Senado, Rodrigo Pacheco e Presidente da Câmara, Arthur Lira - Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Os presidentes da Câmara e do Senado disseram a empresários que a reforma administrativa, que reestrutura carreiras e salário de servidores públicos, pode ser aprovada nas duas Casas em três ou quatro meses.

Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG) participaram de reunião na Fiesp nesta segunda (1).

Abílio Diniz (Península) afirmou que o Brasil está muito atrasado, fazendo referência a questões legislativas. Em meio a elogios a Pacheco, disse que vai mandar considerações ao Congresso.

Rubens Menin (MRV) questionou se seria possível aprovar a reforma administrativa ainda no primeiro semestre.

O presidente do Senado respondou que a proposta deve ter tramitação abreviada nas duas Casas, mas que haverá bastante debate.

Veja também

Diretor da CNI morre por complicações da Covid-19
Luto

Diretor da CNI morre por complicações da Covid-19

Governo e Congresso fecham acordo para resolver impasse do Orçamento
Orçamento

Governo e Congresso fecham acordo para resolver impasse do Orçamento