ECONOMIA

Mercado espera alta da taxa básica de juros para 9,25%; veja a previsão dos analistas

A maior parte dos analistas avalia que o Banco Central manterá o tom mais duro e indicará novo aumento da Selic

DinheiroDinheiro - Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) deve elevar a Selic pela sétima vez seguida nesta quarta-feira, para 9,25%, repetindo a alta de 1,5 ponto percentual da reunião anterior. O debate está centrado na sinalização do comunicado da decisão, já que o país enfrenta piora das expectativas de inflação e, ao mesmo tempo, uma recessão técnica.

A maior parte dos analistas avalia que o Banco Central manterá o tom mais duro e indicará novo aumento da Selic no mesmo ritmo para fevereiro, em razão da contínua piora das expectativas de inflação - a estimativa para o IPCA na pesquisa Focus já está acima do teto da meta de 2022.

Em contrapartida, alguns economistas já veem espaço para o BC aliviar o discurso e indicar uma desaceleração do ritmo de alta para fevereiro, em razão dos dados fracos da economia.

Veja também

Reajuste de 18% no salário de juízes e servidores do Judiciário terá impacto de R$ 1,8 bi em 2023
pesquisa

Reajuste de 18% no salário de juízes e servidores do Judiciário terá impacto de R$ 1,8 bi em 2023

Nota Fiscal Eletrônica de micro e pequenos empreendedores vai poder ser emitida no celular
Empreendedorismo

Nota Fiscal Eletrônica de micro e pequenos empreendedores vai poder ser emitida no celular