Mercado mantém estimativa de queda da taxa Selic para 6,75%

A projeção do crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) passou de 2,66% para 2,70%

DinheiroDinheiro - Foto: Marcos Santos/USP Imagens

O mercado financeiro mantém a estimativa de 6,75% para a taxa básica de juros da economia. A reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), que define a Taxa Selic, será nesta terça (6) e quarta-feira (7), em Brasília. As informações são da Agência Brasil.

No ano passado, a Selic atingiu a mínima histórica de 7% (valor atual) e houve sinalização de redução para este ano. A projeção consta do boletim Focus, publicação divulgada nesta segunda-feira (5) no site do Banco Central com estimativa para os principais indicadores econômicos.

Leia também:
Mercado de veículos tem alta de 20,06% em janeiro


O mercado melhorou as estimativas para este ano. A projeção do crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) passou de 2,66% para 2,70%. Na sexta-feira (2), o Ministério do Planejamento atualizou a projeção do governo de 2,5% para 3%.

Já a projeção para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), teve uma leve queda de 3,95% para 3,94% este ano, em relação à estimativa da semana passada. Para 2019, as projeções foram mantidas: crescimento do PIB em 3% e o IPCA em 4,25%.

Veja também

Desemprego de trabalhador formal preocupa economistas
Economia

Desemprego de trabalhador formal preocupa economistas

Mega-Sena pode pagar neste sábado (31) prêmio de R$ 52 milhões
Loteria

Mega-Sena pode pagar neste sábado (31) prêmio de R$ 52 milhões