HABITAÇÃO

Minha Casa Minha Vida: divulgadas as primeiras empresas que irão construir mais de 2.500 casas em PE

Construtoras foram selecionadas por meio de licitações para construção de habitacionais com terrenos cedidos pelo Governo do Estado

Minha Casa Minha VidaMinha Casa Minha Vida - Foto: Reprodução/Audiovisual/PR

Foram divulgadas as quatro primeiras empresas vencedoras das licitações para construção de habitacionais com terrenos cedidos pelo Governo de Pernambuco. A lista foi publicada no Diário Oficial do Estado da última quarta-feira (21), pela Companhia Estadual de Habitação e Obras (Cehab).

Os mais de 2.500 empreendimentos integram o Minha Casa Minha Vida FAR e estão localizados em Gravatá, Belo Jardim e Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste; e São Benedito do Sul, na Mata Sul.

Empresas
Em Gravatá, serão erguidas 104 unidades pela construtora Nord, que também vai fazer 150 casas em São Benedito do Sul.

Já em Santa Cruz do Capibaribe, a empresa Baptista Leal vai construir 144 imóveis e, em Belo Jardim, a Mori Mori fará outros 144. 

As construções são destinadas a moradia de interesse social e a doação dos terrenos faz parte do Programa Morar Bem Pernambuco. 

Nessa modalidade, o MCMV-FAR, quem recebe Bolsa Família ou BPC não precisa pagar prestações de imóveis e poderá ter direito a uma casa de graça.

Ao todo, foram doados pela gestão estadual 12 terrenos - oito ainda estão em fase de seleção da empresa a ser contratada.

“Ao todo, serão 2.564 unidades habitacionais que serão construídas para atender a população que hoje necessita de um imóvel”, explica Paulo Lira, diretor-presidente da Cehab.

Histórico
No final de novembro,  o Governo Federal publicou a seleção do Minha Casa Minha Vida FAR. Com a doação de terrenos, o Estado conseguiu trazer mais de quatro mil casas, além das 6.325 pensadas inicialmente pelo Governo Federal dentro do programa, oferta 60% maior do que aquela prevista em junho. 

Em junho deste ano, o Governo Federal publicou a portaria (MCID 727), que estabeleceu a meta de contratar 6.325 unidades habitacionais em Pernambuco, no âmbito do Programa Minha Casa Minha Vida FAR (MCMV-FAR), que tem recursos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR).

Nessa modalidade, o governo recebe propostas de empresas da construção civil e entidades públicas (prefeituras e estados) para construção de habitacionais que serão financiados com recursos do FAR, que têm uma taxa de juros mais baixa. 

O Governo de Pernambuco se antecipou e, nesse período, ofereceu ao governo federal 19 terrenos que têm capacidade de receber 5.628 novas unidades habitacionais. Isso representa 90% do previsto pelo Governo Federal para o Estado. 

Veja também

'Estamos preparando aumento de salário para todas as carreiras', afirma Lula
negociação

'Estamos preparando aumento de salário para todas as carreiras', afirma Lula

Receita Federal abre consulta a novo lote residual do Imposto de Renda
IRPF

Receita Federal abre consulta a novo lote residual do Imposto de Renda

Newsletter