Orçamento do FGTS para 2020 prevê R$ 69,5 bilhões para habitação e saneamento

Do orçamento total do fundo, R$ 65,5 bilhões serão destinados para habitação e outros R$ 4 bilhões, para saneamento

RealReal - Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

O orçamento do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) prevê R$ 69,5 bilhões para financiamento de projetos na área de habitação e de saneamento em 2020.

Segundo o Ministério do Desenvolvimento Regional, a expectativa é que 526 mil moradias sejam contratadas. Isso, na avaliação do governo, pode gerar 1,3 milhão de empregos.

Do orçamento total do fundo, R$ 65,5 bilhões serão destinados para habitação e outros R$ 4 bilhões, para saneamento. A verba foi aprovada pelo Conselho Curador do FGTS e publicada nesta terça-feira (31) no Diário Oficial da União.

Leia também:
Multa adicional de 10% do FGTS será extinta a partir desta quarta
Saiba como usar o seu FGTS na compra de imóvel

Mais de 95% do orçamento do fundo estão previstos para o financiamento de moradias populares a famílias com renda mensal de até R$ 7 mil.

Os recursos no setor de água e esgoto estão reservados para a contratação de operações de crédito, no âmbito do Programa Saneamento para Todos. O objetivo é atender a 4,9 milhões de pessoas com as obras desse ramo, que inclui ainda o manejo de resíduos sólidos, recuperação de mananciais e controle de perdas de águas.

Assim, a expectativa do Ministério de Desenvolvimento Regional é gerar 92,4 mil empregos com as obras de saneamento.

O orçamento do FGTS para habitação e saneamento ainda pode sofrer alterações, inclusive com mudanças nos valores reservados para cada estado.

Veja também

Samsung traz Chromebook Go ao BrasilNOTEBOOK

Samsung traz Chromebook Go ao Brasil

Instagram anuncia novas ferramentas de segurança focadas em adolescentesREDES SOCIAIS

Instagram anuncia novas ferramentas de segurança focadas em adolescentes