Sustentabilidade

Parceria entre Suape e UFRPE cria o Esus, Campus Avançado dentro do complexo

Um dos objetivos da Estação Suape-UFRPE de Sustentabilidade é desenvolver editais de pesquisa e desenvolvimento de projetos baseados em sustentabilidade, responsabilidade social e biotecnologia.

Edifício sede do Porto de Suape Edifício sede do Porto de Suape  - Foto: Divulgação/Suape

Nesta terça-feira (17), o Porto de Suape e a Universidade Rural de Pernambuco (UFRPE) anunciaram a instalação da Estação Suape-UFRPE de Sustentabilidade (Esus), Campus Avançado que atuará no 5° andar da sede de Suape. A ideia de criar um campus avançado em parceria entre Suape e UFRPE surgiu pela demanda das partes para a implantação de uma unidade de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I).

A estrutura de imediato receberá coordenadores e colaboradores da UFRPE, mas pretendem desenvolver nessa parceria editais de pesquisa e desenvolvimento de projetos.

"Já temos uma parceria com o Cesar para desenvolvimento de ferramentas tecnológicas e entregamos produtos importantes, como o App Suape e o SuapeGEO. Com a chegada da Universidade a esse time, Suape deverá se tornar, em pouco tempo, um dos portos mais modernos do Brasil", diz Roberto Gusmão, diretor-presidente de Suape. 

O Porto de Suape deve fornecer o espaço físico e recursos para o desenvolvimento de projetos, elaborar editais para a captação de recursos e firmar o relacionamento com as empresas instaladas nele.

A meta é que sejam criadas soluções para temas complexos nas áreas de engenharia, tecnologia ambiental, biotecnologia, agroecologia, responsabilidade social e redução de custos no desenvolvimento de projetos. 

A expectativa é de que a atuação da universidade no complexo contribua para o desenvolvimento econômico, ambiental e social sustentável em todo o território portuário. "A concretização do campus é um dos objetivos estratégicos, previstos no novo Plano Diretor - Suape 2030, para dotar o complexo de estrutura física voltada ao desenvolvimento de pesquisas nas áreas de tecnologia ambiental e biotecnologia, em parceria com universidades", contou Carlos Cavalcanti, diretor de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Porto.

Vale ressaltar que Suape e UFRPE começaram sua colaboração no ano de 2021, com a assinatura de um protocolo de intenções que viabiliza um conjunto de projetos acadêmicos de ensino, extensão, pesquisa, desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação.

Veja também

Fundos de pensão de estatais têm rombo de R$ 24 bi, e governo vai brecar aportes extras
Economia

Fundos de pensão de estatais têm rombo de R$ 24 bi, e governo vai brecar aportes extras

Japão, afetado por temperaturas recorde, teme escassez de energia elétrica
japão

Japão, afetado por temperaturas recorde, teme escassez de energia elétrica