Parques temáticos e aquáticos têm isenção na importação de equipamento

A decisão foi tomada pelo Comitê Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior na terça-feira passada (22)

Veneza Water ParkVeneza Water Park - Foto: Divulgação

Parques temáticos e aquáticos ganharam “isenção permanente de imposto de importação de equipamentos”. A informação é do Ministério do Turismo (Mtur), que tem expectativa de que a medida possa gerar mais empregos na área de lazer e atração turística.

“O setor fatura mais de R$ 3 bilhões por ano no Brasil, recebe 30 milhões de visitantes, gera mais de 15 mil empregos diretos e 100 mil empregos indiretos. Com a novidade, a expectativa é de que os números cresçam ainda mais”, diz o ministério em nota. “O imposto de importação era um dos gargalos que inviabilizava o melhor desenvolvimento dos parques no país”.

A decisão foi tomada pelo Comitê Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior na terça-feira passada (22) em resolução que alterou para zero por cento as alíquotas do imposto de importação incidentes sobre os bens de capital de vários setores da atividade econômica.

Leia também:
Palhaços da Hora do Terror do Mirabilandia visitam a Folha de Pernambuco
Como ir ao parque nacional de Abrolhos ver as baleias jubarte
Caruaru ganha parque ambiental para preservar o rio Ipojuca 

De acordo com estudo publicado pela Receita Federal, o total de isenções fiscais somam R$ 270 bilhões em números de 2016. O setor de comércio e serviços têm benefícios fiscais que equivalem a 28% desse total.

Veja também

Papai Noel vai para o home office para garantir o Natal de todos
Natal

Papai Noel vai para o home office para garantir o Natal de todos

Com pandemia, 1 a cada 5 pretos está desempregado
Desemprego

Com pandemia, 1 a cada 5 pretos está desempregado