Percentual de cheques devolvidos cai para 2,12% em janeiro

Em dezembro do ano passado, o percentual de cheques devolvidos pela segunda vez foi 2,25%. Em janeiro de 2016, o índice havia sido 2,41%

Uso de cheque pelos consumidoresUso de cheque pelos consumidores - Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Em janeiro, a quantidade de cheques devolvidos pela segunda vez por falta de fundos correspondeu a 2,12% do total de cheques movimentados, segundo o Indicador Serasa Experian de Cheques sem Fundos, divulgado nesta terça-feira (21). É o menor percentual desde agosto de 2015, quando foram registradas 2,11% de devoluções.

Em dezembro do ano passado, o percentual de cheques devolvidos pela segunda vez foi 2,25%. Em janeiro de 2016, o índice havia sido 2,41%.

Em números absolutos, a quantidade de cheques devolvidos somou 917.049 em janeiro deste ano. O total de cheques compensados no período atingiu 43.339.051.

Para os economistas da Serasa Experian, o recuo no número de cheques devolvidos deve-se à redução da inflação, à queda dos juros e à entrada da segunda parcela do décimo terceiro salário na economia em dezembro, o que levou os consumidores a priorizar o pagamento de dívidas.

Veja também

7 em cada 10 não encontraram fonte de renda para substituir auxílio emergencial, diz Datafolha
Auxílio Emergencial

7 em cada 10 não encontraram fonte de renda para substituir auxílio emergencial, diz Datafolha

Mesmo com o aumento das exportações, balança de Pernambuco continua deficitária
Fiepe

Mesmo com o aumento das exportações, balança de Pernambuco continua deficitária