Petrobras diz que monitora preço internacional do petróleo

Por enquanto, não há previsão de reajuste de preços nos produtos negociados pela estatal, como os combustíveis e derivados de petróleo

Petrobras Petrobras  - Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A Petrobras informou, por meio de nota, que está monitorando o mercado internacional de petróleo, em função dos ataques a campos petrolíferos na Arábia Saudita.

Os ataques aéreos aos campos sauditas de Abqaiq resultaram na elevação dos preços internacionais do petróleo. Por enquanto, não há previsão de reajuste de preços nos produtos negociados pela estatal, como os combustíveis e derivados de petróleo.

Leia também:
Petrobras decide segurar repasses aos combustíveis apesar da alta do petróleo
Ataque na Arábia Saudita provoca maior corte de produção de petróleo na história
Petróleo sobe quase 20% após ataques de drone contra instalações sauditas


Segundo a Petrobras, a cotação internacional do petróleo apresenta volatilidade e a alta súbita de preços “pode ser atenuada na medida em que maiores esclarecimentos sobre o impacto na produção mundial sejam conhecidos. A Petrobras decidiu por acompanhar a variação do mercado nos próxi-mos dias e não fazer um ajuste de forma imediata”, diz a nota.

Veja também

Trabalhadores nascidos em junho podem sacar auxílio emergencial
auxílio emergencial

Trabalhadores nascidos em junho podem sacar auxílio emergencial

Crise econômica só passa se crise sanitária for resolvida, diz chefe da Stellantis na América Latina
ENTREVISTA

Crise econômica só passa se crise sanitária for resolvida, diz chefe da Stellantis na América Latina