A-A+

Petrobras encontra campos de gás natural em Sergipe e Alagoas

A empresa encontrou seis campos de gás natural, o que promete tirar do papel projeto proposto pelo ministro Paulo Guedes

PetrobrasPetrobras - Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

A Petrobras fez a sua maior descoberta desde o pré-sal, em 2006, em Sergipe e Alagoas. Foram encontrados seis campos dos quais a empresa pretende extrair 20 milhões de m³ de gás natural por dia, o que é correspondente a um terço de toda a produção brasileira.

A expectativa é de que gere algo em torno dos R$ 7 bilhões, de acordo com a consultoria Gas Energy, com os quais o governo pretende tornar real o “choque de energia barata”, uma promessa do ministro da Economia, Paulo Guedes. O objetivo é baratear em até 50% o custo do gás natural e “reindustrializar” o Brasil.

Leia também:
Petrobras retoma programa de desinvestimento no setor de fertilizantes
Petrobras não pagou valores prometidos a filmes que premiou em 2018

“Vamos ter competição. É isso que vai fazer o preço baixar”, afirma o secretário de Petróleo e Gás Natural do Ministério de Minas e Energia (MME), Márcio Felix. O governo pretende que de Sergipe saia o gás mais barato do País por dois motivos: o aumento da produção como fator na redução dos custos e pela entrada em operação de rivais da Petrobrás, a exemplo da americana ExxonMobil.

Sergipe concentra-se, agora, em atrair grandes consumidores de gás para o município de Barra dos Coqueiros, lugar de 25 mil habitantes, rodeado de praias e mangue, vizinha à capital Aracaju, onde fica o Porto de Sergipe. Em breve, o local deve virar um novo distrito industrial.

A Petrobras deve gastar R$ 2 bilhões este ano, para delimitar o reservatório e construir o gasoduto até a costa. Sobre o assunto, a estatal limita-se a dizer que “As águas profundas de Sergipe vêm mostrando grande potencial para o desenvolvimento”.

Veja também

Brasil: 56,4% das dívidas dos inadimplentes são pagas em até 60 dias
Contas

Brasil: 56,4% das dívidas dos inadimplentes são pagas em até 60 dias

Vale perde posto de empresa mais valiosa da América Latina para Mercado Livre
Mercado

Vale perde posto de empresa mais valiosa da América Latina para Mercado Livre