Petróleo fecha em baixa em Nova York

O barril de "light sweet crude" (WTI), caiu 21 centavos, a 48,03 dólares, nos contratos para entrega em janeiro

Boulos cumprirá agenda ao lado de Jô Cavalcanti e Ivan MoraesBoulos cumprirá agenda ao lado de Jô Cavalcanti e Ivan Moraes - Foto: Beto Figueroa

O petróleo fechou em baixa nesta terça-feira no mercado de Nova York, um dia depois de um aumento de 4% nos mercados.

O barril de "light sweet crude" (WTI), caiu 21 centavos, a 48,03 dólares, nos contratos para entrega em janeiro.

Em Londres, o barril de Brent para entrega em janeiro subiu 22 centavos, a 49,12 dólares.

O petróleo, que caiu depois de subir fortemente na segunda-feira, conseguiu limitar as perdas graças a informações de que "a Opep estaria perto de chegar a um acordo" sobre sua produção, disse em Nova York o analista Tim Evans.

Os investidores estão de olho na Opep, que tenta conciliar divergências internas a fim de, na semana que vem, fechar um acordo sobre a redução da oferta.

Na Europa os preços subiram ao se vislumbrar durante a sessão alguns progressos nas negociações da Opep. Mais tarde, entretanto, o Iraque reivindicou seu direito a aumentar sua produção, fazendo os preços caírem.

Veja também

Como investir entre o risco de 2ª onda e a vacina
Investimentos

Como investir entre o risco de 2ª onda e a vacina

Abraham Weintraub é reeleito diretor executivo no Banco Mundial por mais dois anos
Brasil

Abraham Weintraub é reeleito diretor executivo no Banco Mundial por mais dois anos