Terceiro setor

Porto Social lança editais para incubação de projetos e formação de líderes

Interessados devem se inscrever até o dia 15 abril

Foto:

O Porto Social – uma organização voltada ao estímulo e crescimento do terceiro setor – lançou nessa quarta-feira (24), editais para dois de seus programas. O primeiro deles é o Programa de Incubação de Negócios ou Projetos Sociais (INCS) – que conta com apoio da Prefeitura do Recife. O segundo é o Programa de Líderes de Impacto Social (PLIS), com foco na seleção e capacitação de pessoas com vocação para atuar nessa área e é feito em parceria com o Instituto Neoenergia. As inscrições vão até o dia 15 de abril de 2021. 

Os regulamentos completos dos editais estão disponíveis no site do Porto Social (www.portosocial.com.br) e demais mídias e redes sociais. As inscrições para o processo seletivo serão válidas para os que preencherem o formulário completo até o dia 24 de março. O edital do INCS vai selecionar empreendimentos sociais e iniciativas em fase inicial e que tenham atuação no Grande Recife. Criado para profissionalizar projetos já em andamento, com ou sem formalização jurídica, o processo do programa acontece em 10 meses e conta com palestras, workshops, mentorias individuais recorrentes e eventos de conexão. A seleção é dirigida a ONGs, cooperativas e até empresas que trabalhem com soluções para problemas sociais e ambientais. 

Para participar do programa, que já capacitou mais de 200 iniciativas sociais, é necessário ter de um a três membros dispostos a participar das atividades programadas, frequentando 75% das 200 horas de atividades. A duração é de dez meses, com diagnósticos, palestras, workshops, mentorias individuais e eventos de conexão.

Já o programa de líderes aponta para convocação de pessoas com capacidade de engajamento e mobilização social. Neste caso o objetivo é capacitar e aprimorar as habilidades dos multiplicadores, consolidando seus aprendizados. A meta é desenvolver pessoas que desejam comandar projetos e iniciativas sociais. O PLIS tem duração de três meses, com workshops e mentorias coletivas em empreendedorismo social, gestão, vendas, comunicação, liderança e educação financeira.

 

Os principais critérios avaliados na seleção serão os impactos gerados pela iniciativa apresentada; perspectivas de governança e sustentabilidade financeira; característica inovadora e diferenciada da solução apresentada; capacidade de replicabilidade e disseminação da resolução do problema social; impacto direto e indireto sobre os atores envolvidos; além da clareza e segurança na exposição. Na primeira etapa, serão selecionadas até 50 iniciativas para o Programa de Incubação de Negócios ou Projetos Sociais e 35 líderes para o Programa de Líderes de Impacto Social - PLIS. A Banca de Avaliação será composta pela equipe do Porto Social e empreendedores sociais, imprensa, professores, formadores de opinião, parceiros, investidores e sociedade civil, que vão poder participar através das plataformas digitais.

 

Veja também

Porto de Suape recebe nova declaração para operações internacionais
Negócios

Suape recebe nova declaração para operações internacionais

Facebook cria salas de áudio para rivalizar com Clubhouse
Tecnologia e Games

Facebook cria salas de áudio para rivalizar com Clubhouse