Primeiro hotel box em Pernambuco estreia no TIP

Quartos de 6,25 m² oferecem opção de descanso acessível para quem precisa esperar pelo ônibus

Quarto de hotel box no TIPQuarto de hotel box no TIP - Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Já pensou em se hospedar em um hotel cujos quartos são de aço e só têm 6,25 metros quadrados? Pois esta é a proposta do Soneca Nap Box, que acaba de ser inaugurado no Terminal Integrado de Passageiros (TIP) do Recife como o primeiro ‘hotel box’ das rodoviárias brasileiras. Um conceito que privilegia construções sustentáveis e mira em viajantes que buscam conforto por baixo custo, segundo o empresário cearense Samir Bayde, que investiu R$ 1 milhão para fundar o negócio.

“Essa ideia surgiu no Japão e vem se espalhando pelo mundo, mas vimos que o mercado brasileiro ainda não usufruía desse novo conceito de construir de forma ecológica e oferecer quartos de tamanho reduzido com conforto e tecnologia. Então, surgiu a ideia de lançar o Soneca no Brasil”, explicou Bayde, que fechou uma parceria com a Socicam, empresa que administra 120 rodoviárias e dois aeroportos brasileiras, para instalar o ‘hotel box’ nesses empreendimentos. “E Recife foi escolhido para receber o primeiro equipamento, o primeiro hotel box em rodoviárias do Brasil”, completou Bayde.

Para viabilizar a ideia, o próprio empresário construiu os quartos do Soneca na fábrica de engenharia que já mantinha no Ceará. “Desenvolvi esse modo de construir, em módulos, para fornecer salas de aula a uma universidade. Depois, procurei outro caminho para essa tecnologia e resolvi apostar no hotel box”, contou. Ele ainda explicou que esses cômodos são totalmente construídos na fábrica com aço e cola, sem soldas.

Por isso, os quartos já vieram prontos para o Recife, até com adesivos de parede que escondem o aço. Aqui, só foi preciso, então, mobiliá-los e decorá-los.

São 12 quartos que podem ter uma ou duas camas e sempre vêm com TV a cabo, ar-condicionado e iluminação em LED que podem ser regulados por um tablet, além de tomadas, cofre, Wi-Fi e isolamento acústico. “Queremos oferecer conforto, segurança e tranquilidade por um baixo custo”, falou Bayde, contando que, nos preços promocionais de lançamento, a pernoite do Soneca não passa de R$ 102.



Ainda há a possibilidade de alugar o quarto por hora - a primeira custa R$ 29 e as seguintes, R$ 7. “Estaremos lá para atender as pessoas que perdem o ônibus com mais conforto que os bancos da rodoviária”, justificou o empresário, que também aceita reservas on-line. Bayde ainda está negociando com o TIP para instalar uma loja de conveniência que possa fornecer lanches e café da manhã para os hóspedes.

O empresário cearense também está em tratativas com o Porto de Suape para instalar um empreendimento desse tipo no ancoradouro e promete abrir pelo menos mais 15 hotéis box até o fim de 2019 dentro da parceria com a Socicam. O próximo, por sinal, já tem destino certo: o aeroporto de Goiana.

Veja também

Governo estuda desoneração linear para gerar emprego
Economia

Governo estuda desoneração linear para gerar emprego

Fechamento de fábricas da Ford põe em dúvida futuro do setor no Brasil
Montadoras

Fechamento de fábricas da Ford põe em dúvida futuro do setor no Brasil