Procon notifica cinco agências bancárias no Recife

O órgão fiscalizou diversas instituições financeiras no bairro de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife, nesta terça-feira

Caixa Econômica FederalCaixa Econômica Federal - Foto: Tomaz Silva / Agência Brasil

Após os recentes registros de movimentações intensas e aglomerações nas agências bancárias da Região Metropolitana do Recife (RMR), o Procon-PE está realiza diversas fiscalizações para verificar se estão sendo tomadas as medidas recomendadas pelas autoridades de saúde para evitar a disseminação do novo coronavírus. Na manhã desta terça-feira (07), todas as agências do bairro de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife, foram vistoriadas. Cinco agências foram notificadas.

Durante a ação, foi verificado se havia marcação no chão nas áreas internas e externas, obedecendo ao distanciamento de no mínimo um metro entre as pessoas; se havia um funcionário orientando os consumidores para utilizar outros meios para ter acesso ao banco, a exemplo de aplicativos e telefones; e se há distribuição de fichas na entrada do estabelecimento, para evitar aglomerações nas agências.

Leia também:
Bancos têm movimentação intensa no Recife nesta terça-feira
Veja como é o cadastro para o auxílio emergencial e quem poderá receber os R$ 600

No entanto, segundo o Procon, ficou constatado que as agências estão se preocupando com a proteção dos consumidores e funcionários apenas nas áreas internas dos bancos. “As medidas que estão sendo adotadas não estão sendo suficientes para evitar as aglomerações. As pessoas que estão nas ruas são clientes dos bancos e não estão na rua porque querem. Elas merecem ser tratadas com respeito e cuidado”, alerta o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico.

As agências da Caixa Econômica Federal, Itaú, Banco do Brasil, Bradesco e Santader foram notificadas e terão o prazo de 24 horas para se adequar às normas. Caso permaneça o descumprimento das orientações, as instituições financeiras ficam sujeitas a multas que podem variar de R$ 1.050 a R$ 9 milhões.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

Ministro da Ciência promete US$ 100 milhões na cota de isenção para destravar pesquisa
INVESTIMENTO

Ministro da Ciência promete US$ 100 milhões na cota de isenção para destravar pesquisa

Amazon é multada em 746 milhões de euros por não proteger dados
Tecnologia

Amazon é multada em 746 milhões de euros por não proteger dados