Procon-PE fiscaliza revendedoras de gás e reduz preço de botijões

Equipes do Procon-PE continuam as fiscalizações nas revendedoras de gás de cozinha após o reabastecimento após o fim da paralisação dos caminhoneiros

Procon-PE fiscaliza revendedoras de gás de cozinhaProcon-PE fiscaliza revendedoras de gás de cozinha - Foto: Divulgação

Em vistorias em revendedoras de gás de cozinha nesta sexta-feira (1º), o Procon-PE reduziu o preço de botijões à venda em quatro bairros da Região Metropolitana do Recife (RMR) de R$ 70 para R$ 65. Equipes do órgão de defesa do consumidor continuam as fiscalizações após o fim da paralisação dos caminhoneiros.

Leia também:
Desabastecimento aumenta demanda por instalação de gás natural veicular


A redução dos preços aconteceu nos bairros de Casa Caiada, em Olinda, Vasco da Gama, Córrego da Areia e Córrego do Euclides, na Zona Norte do Recife. Nas duas cidades, a maioria dos depósitos estava vendendo os botijões por R$ 60 ou R$ 65, mas nem todos contavam com o produto.

Também foram visitados, no Recife, os bairros de Santo Amaro, Nova Descoberta, Córrego do Buriti e Alto José do Pinho. Em Olinda, foram fiscalizadas revendedoras de gás em Sítio Novo, Salgadinho, Peixinhos, Águas Compridas, Alto da Bondade, Jardim Atlântico, Rio Doce e Bultrins. O secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, acompanhou as vistorias.

Veja também

Setor de casa e construção é o que mais cresce no mercado de franquias
Economia

Setor de casa e construção é o que mais cresce no mercado de franquias

Relator vota contra autonomia do BC, mas vista adia julgamento no STF
Justiça

Relator vota contra autonomia do BC, mas vista adia julgamento no STF