Recife vai ganhar mais ligações com a Europa e os EUA

Em março, começa a operar a segunda frequência semanal do voo Recife/Cabo Verde, que usa a ilha africana como ponte internacional

Felipe Carreras cumprimenta Mário Chaves, CEO da Cabo Verde AirlinesFelipe Carreras cumprimenta Mário Chaves, CEO da Cabo Verde Airlines - Foto: Hesíodo Goés / Setur-PE

O Aeroporto Internacional dos Guararapes vai ganhar novas ligações para a Europa e os Estados Unidos a partir de março. É que a Cabo Verde Airlines, antiga TACV, vai ampliar o número de voos que sai do Recife e usa a ilha africana como uma escala de viagens internacionais. E, segundo a companhia, haverá opções para Lisboa, Paris, Milão e Boston.

CEO da Cabo Verde Airlines, Mário Chaves veio ao Recife ontem para alinhar os detalhes das novas frequências e contou que as mudanças fazem parte do processo de reestruturação da companhia aérea, que está sendo privatizada pelo governo de Cabo Verde. “A Cabo Verde Airlines está em processo de reestruturação e essa reestruturação implica na conexão da Ilha do Sal a vários destinos - no caso do Brasil, Recife e Salvador. A ideia é que os turistas conheçam a nossa ilha e também tenham ligações para outros destinos”, explicou o CEO da empresa, que está sendo gerida pela companhia islandesa Icelandair desde agosto do ano passado.

Leia também:
Cresce o número de turistas no Recife
Recife tem voos extras no Carnaval


Chaves ainda disse que o mercado brasileiro, sobretudo o nordestino, é muito importante para a companhia. Por isso, o Recife está no centro dos planos de ampliação da Cabo Verde Airlines. A cidade vai, inclusive, ganhar uma segunda frequência semanal para o país africano nos próximos três meses. “A ocupação do voo que parte do Recife é boa e ainda está melhorando. Por isso, estamos ampliando a frequência para permitir novas ligações”, disse o CEO da companhia aérea, acrescentando que a maior parte desses novos voos começa a operar em 19 de março em um Boeing 757 totalmente reformado, com capacidade para mais de 150 passageiros.

“É simbólico que a Cabo Verde Airlines decida ampliar suas operações aqui justamente neste momento de virada na empresa”, acredita o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras, explicando que a atual frequência Recife/Cabo Verde deu início à atual política aérea do Governo de Pernambuco, que desde 2015 atraiu sete novos destinos internacionais para o aeroporto do Estado. A atual frequência do voo Recife/Cabo Verde, por exemplo, opera sempre nas quartas e quintas-feiras.

Veja também

BC aprova 762 instituições para ofertar o Pix a partir de novembro
Economia

BC aprova 762 instituições para ofertar o Pix a partir de novembro

Caixa libera saques do auxílio para 3,8 milhões de beneficiários
AUXÍLIO

Caixa libera saques do auxílio para 3,8 milhões de beneficiários