Rec'n'Play chega à sua 2ª edição com mais de 300 atividades no Bairro do Recife

O festival começa nesta quarta (7) e segue até o sábado (10), com programação gratuita de palestras, workshops, paineis e rodadas de negócios

A 2ª edição do REC’n’ Play começa nesta quarta (7) e segue até o próximo sábado (10)A 2ª edição do REC’n’ Play começa nesta quarta (7) e segue até o próximo sábado (10) - Foto: Kleyvson Santos/Folha de Pernambuco

Prédios e ruas do Bairro do Recife estarão voltados para diversas atividades que envolvem tecnologia, economia criativa, negócios, sustentabilidade, música, games e outras ações na 2ª edição do REC’n’ Play, que começa a partir desta quarta-feira (7). Realizado pelo Porto Digital em parceria com Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Ampla, Prefeitura do Recife, Accenture e Smart Networks, o festival conta com investimento aproximado de R$ 1 milhão. Os detalhes foram divulgados em coletiva de imprensa na tarde desta terça (6).

Leia também:
Programação cultural do REC'n'play tem Romero Ferro, Barro, Alice Caymmi e muito mais


Segundo o prefeito do Recife, Geraldo Julio, a realização da segunda edição aumenta a importância do evento. “Acontecendo novamente este ano, o REC’n’play se torna definitivo. É muito importante ter esse legado, que mexe com ideias, pessoas e com o nosso futuro”, afirma.

O evento seguirá até o próximo sábado (10) e vai oferecer 354 atividades gratuitas no Bairro do Recife, desde workshops a cursos com temas relacionados ao empreendedorismo, tecnologia, inovação e sustentabilidade. No total, 245 convidados participarão da programação, sendo170 locais, 68 nacionais e 7 internacionais, vindos do Chile, Estados Unidos, França e Inglaterra. 

Durante os quatro dias de programação gratuita, especialistas de áreas variadas participarão de workshops, rodadas de negócios, palestras, painéis e apresentações culturais, entre outras ações direcionadas para públicos variados. Os interessados em participar podem fazer a inscrição no site do evento (http://www.recnplay.pe) que, nesta edição, trouxe algumas alterações em relação a do ano passado. A exemplo do alcance da programação, que pretende envolver desde os empreendedores tradicionais, com experiência de mercado, até os jovens das startups e da economia criativa, inclusive da área musical.

Segundo Leonardo Medeiros, o coordenador de comunicação e programação do evento, mais da metade dos participantes estarão no REC’n’play pela primeira vez. “Isso significa que na nossa primeira edição já atingimos um alto nível a ponto de despertar o interesse de gente nova. Além disso, saltamos de 159 convidados para 245. Esse crescimento foi difícil, mas serviu para mostrar que a nossa marca é forte e conhecida.”, declara Leonardo.

Espaço Sebrae
Assim como na primeira edição, o espaço do Sebrae será montado na Praça do Arsenal, no Bairro do Recife. Em formato de arena, o espaço disponibilizará 120 lugares para o público que poderá contar com palestras, atendimento individual a empreendedores que desejem abrir o próprio negócio e uma vila gastronômica. O Som na Rural também estará presente no local.

Na programação, o público poderá assistir às palestras ‘Inovar é ação!’, com Fred Alecrim - Administrador, Autor dos livros UAUgomais; ‘Moedas Virtuais e suas vendas, o que tem em comum?’, com João Paulo - analista de criptomoedas na nox.trading e ‘Gerenciamento de Carreira’, com Eliane Dias.

Este ano, a Secretaria de Segurança Urbana também marca a presença no encontro, trazendo atividades relacionadas ao Compaz. Além dela, participam as pastas de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente; Turismo, Esportes e Lazer; Mulher; Educação; Cultura; e Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas Sobre Drogas e Direitos Humanos. “A prefeitura entra de cabeça no evento através das oito secretarias com o intuito de abarcar diversas áreas. O REC’n’play tem um aspecto democrático enorme, porque é um festival da cidade, feito pela cidade”, destaca o prefeito Geraldo Julio.

Parceria Molotov
A programação do espaço Sebrae no próximo sábado (10), último dia do festival, pensada em parceira com o Coquetel Molotov, será voltada para capacitação e desenvolvimento dos empreendedores criativos do ramo musical, com discussões e capacitação para o setor.

Nomes como Alejandra Luciani, Eliane Dias, Wes Mariano e Romero Ferro e de artistas que farão pockets shows no Som na Rural, a partir das 17h, integram a programação.

Veja também

China contribuiu com mais da metade do superávit comercial do Brasil
Economia

China contribuiu com mais da metade do superávit comercial do Brasil

Governo aumentou imposto sobre cilindro de oxigênio três semanas antes de colapso no AM
Tributos

Governo aumentou imposto sobre cilindro de oxigênio três semanas antes de colapso no AM