A-A+

Telecomunicações

Reunião para deslanchar edital do leilão do 5G foi cancelada

Havia expectativa de uma apresentação de agenda positiva pelo governo, com fala do ministro das Comunicações, Fábio Faria

5G5G - Foto: PXHere

A reunião extraordinária do conselho diretor da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), para a deliberação final do edital do 5G, que estava marcada para esta sexta-feira (10), foi cancelada. Segundo o órgão, o encontro deve ser remarcado para semana que vem.

Havia expectativa de uma apresentação de agenda positiva pelo governo, com fala do ministro das Comunicações, Fábio Faria, na sequência para o planejamento da publicação do edital na semana que vem.

Procurada pela reportagem, a Anatel diz apenas que a reunião foi cancelada a pedido do conselheiro Emmanoel Campelo para ajuste de voto com os demais conselheiros.


Quem acompanhou o atraso e depois o cancelamento da reunião diz que foi inesperado e aconteceu porque, momentos antes do encontro, um dos conselheiros parou de atender o telefone, quando os colegas ainda se comunicavam para falar das propostas e mapear as divergências antes da reunião.

Como se tratava de um caso de peso, o governo vinha pedindo para que se organizasse tudo com capricho, mas ficou o receio de que viria uma resistência.

O ministro vem dizendo há semanas que o edital sairia em breve e que o leilão certamente acontecerá em outubro, mas o cancelamento desta sexta deve atrasar ainda mais os planos.

Veja também

Brasil fechará fronteiras aéreas para seis países africanos devido à nova variante do coronavírus
Ômicron

Brasil fechará fronteiras aéreas para seis países africanos devido à nova variante do coronavírus

Três ministros do STF votam contra portaria do governo Bolsonaro que impede demissão de não vacinado
Brasil

Três ministros votam contra portaria que impede demissão de não vacinado