Rompimento de amarra interrompe produção de plataforma da Petrobras

A empresa garantiu que a P-50 se encontra estável, em segurança e não oferece risco às pessoas e ao meio ambiente

PetrobrasPetrobras - Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

A produção da plataforma P-50, localizada no campo de Albacora Leste, na Bacia de Campos (RJ), foi interrompida na noite de domingo (22), devido ao rompimento de amarra do sistema de ancoragem. A operação teve caráter preventivo, de acordo com informação divulgada nesta terça-feira (24) pela Petrobras.

Segundo a estatal, a plataforma é ancorada por outras 15 amarras. A empresa garantiu que a P-50 se encontra estável, em segurança e não oferece risco às pessoas e ao meio ambiente. Atualmente, cerca de 178 pessoas trabalham embarcadas na unidade.

Leia também:
Postos de gasolina subiram preço antes de anúncio da Petrobras
Diante de impasse com sindicatos, Petrobras estuda acordos trabalhistas individuais
Preço de petróleo é com a Petrobras, diz Guedes 

“A Petrobras está tomando todas as medidas necessárias para o reparo do sistema e retomada da produção o mais rapidamente possível”, informou a companhia, em nota. Por dia, a produção média da unidade é de 20 mil barris de petróleo.

Veja também

Consumidores reclamam de Black Friday sem descontos atrativos
Black Friday

Consumidores reclamam de Black Friday sem descontos atrativos

Siderúrgicas dizem que possibilidade de faltar aço 'é zero'
economia

Siderúrgicas dizem que possibilidade de faltar aço 'é zero'