Rumo das empresas familiares em debate

5ª edição do Fórum das Empresas Familiares acontecerá no dia 20 deste mês. Evento discutirá entre outros pontos a sucessão, formação dos familiares e inovação dos negócios

O evento vai trazer discussões e reflexões de como as empresas familiares estão se adaptando as inovações tecnológicasO evento vai trazer discussões e reflexões de como as empresas familiares estão se adaptando as inovações tecnológicas - Foto: Zé Britto/Folha de Pernambuco

A 5ª edição do Fórum Rumo das Empresas Familiares acontece no dia 20 de setembro, no Cais do Sertão, no bairro do Recife. O tema deste ano é “O futuro das empresas e as empresas do futuro”. O evento vai trazer discussões e reflexões de como as empresas familiares estão se adaptando as inovações tecnológicas. A mudança do local do evento, que há quatro edições era realizada em um hotel em Boa Viagem, também é proposital, pois marca a convergência das corporações familiares com o ecossistema de inovação do Estado tão bem representado no bairro do Recife.

Nesta edição, o Fórum Rumo terá três painéis centrais que são: O futuro e as empresas; O futuro da liderança; e O futuro presente. De acordo com o coordenador do projeto, Antônio Jorge Araújo, o objetivo é mobilizar o ambiente das empresas familiares no Estado e trazer questionamentos como governança e gestão. “O tema sobre inovação aponta muito para o futuro. É preciso discuti-lo de uma forma mais organizada”, explica. "Para realização deste evento, unimos todo o ecossistema de inovação e tecnologia de Pernambuco para tratar este tema de uma forma conectada", acrescenta. Ainda de acordo com Araújo, existem três pilares que contribuem para a longevidade das empresas familiares. São eles: sucessão, formação dos familiares e inovação dos negócios.

Leia também: 
Evento discute o futuro das empresas familiares
Fórum no Recife discute empresas familiares

Segundo o presidente do Núcleo Rumo, Boris Berenstein, é importante unir a classe empresarial com o ecossistema de tecnologia. "Esse evento está sendo uma oportunidade para conversar entre as partes. As empresas precisam procurar seus caminhos de como se renovar", explica. Para a coordenadora do Projeto Rumo, Elane Cabral, a ideia é passar uma mensagem de que é fundamental pensar no futuro para ampliar a longevidade das empresas familiares. "O sucesso do passado não garante o sucesso do futuro. É preciso estar sempre em constante renovação para se adaptar e trazer a inovação na prática", detalha.

Para os interessados em saber mais e aprender sobre o rumo das empresas familiares, as inscrições para o evento custam R$ 450 para associados do Projeto Rumo, Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe), Cesar, FBN, Softex Recife e Associação Comercial de Pernambuco (ACP); e R$ 500 para não associados e podem ser efetuadas no www.5forumrumo.com.br. O horário do evento é das 8h às 16h45.

Veja também

Novo lote do auxílio emergencial de R$ 600 será pago no calendário da 7ª parcela
Auxílio Emergencial

Novo lote do auxílio emergencial de R$ 600 será pago no calendário da 7ª parcela

Déficit mensal do governo diminui para R$ 76 bi, mas rombo chega a R$ 677 bi no ano
Economia

Déficit mensal do governo diminui para R$ 76 bi, mas rombo chega a R$ 677 bi no ano